Ouvir Carregar Podcast
  • 16h00 - 16h10 TMG
    Noticiário 19/09 16h00 GMT
  • 16h00 - 16h06 TMG
    Noticiário 15/09 16h00 GMT
  • 16h06 - 16h30 TMG
    Segunda parte da emissão 15/09 16h06 GMT
  • 16h10 - 16h30 TMG
    Segunda parte da emissão 19/09 16h10 GMT
  • 17h00 - 17h10 TMG
    Noticiário 19/09 17h00 GMT
  • 17h00 - 17h06 TMG
    Noticiário 15/09 17h00 GMT
  • 17h06 - 17h30 TMG
    Segunda parte da emissão 15/09 17h06 GMT
  • 17h10 - 17h30 TMG
    Segunda parte da emissão 19/09 17h10 GMT
  • 18h00 - 18h10 TMG
    Noticiário 19/09 18h00 GMT
  • 18h00 - 18h06 TMG
    Noticiário 15/09 18h00 GMT
  • 18h06 - 18h30 TMG
    Segunda parte da emissão 15/09 18h06 GMT
  • 18h10 - 18h30 TMG
    Segunda parte da emissão 19/09 18h10 GMT
  • 19h00 - 19h10 TMG
    Noticiário 19/09 19h00 GMT
  • 19h00 - 19h06 TMG
    Noticiário 15/09 19h00 GMT
  • 19h06 - 19h30 TMG
    Segunda parte da emissão 15/09 19h06 GMT
  • 19h10 - 19h30 TMG
    Segunda parte da emissão 19/09 19h10 GMT
Para aproveitar em pleno os conteúdos mutimedia, deve ter o plugin Flash instalado no seu navegador. Para estabelecer a ligação deve activar os cookies nos parâmetros do seu navegador. Para poder navegar de forma ideal o site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e + etc.
Mundo

China garante a Maduro ajuda a Venezuela

media  
Nicolas Maduro encontra o ministro dos negócios estrangeiros, Wang Yi em Pequim . 14 de Setembro de 2018 Miraflores Palace/Handout

Com em pano de fundo a tensão política e a crise económica na Venezuela, a China promete continuar a dar o seu apoio ao pais sul-americano para que este possa superar as actuais dificuldades.A decisão foi anunciada durante a visita à China do Presidente venezuelano Nicolas Maduro.

A China vai ajudar a Venezuela a enfrentar as suas dificuldades económicas actuais, mas segundo a comunicação social chinesa, não foi mencionado o aspecto financeiro.

Confrontado com uma crise económica e política, o Presidente Maduro, que efectua uma visita de quatro dias à China,tenciona obter novos empréstimos, assim como discutir sobre cooperação económica.

O Primeiro-ministro chinês Li Keqiang declarou que o seu país está disposto a conceder a Venezuela a ajuda de que necessita o país sul-americano, afectado pelas consequências de uma crise interna, que dura há dois anos.

No seu encontro com o Presidente Maduro, Keqiang sublinhou que Pequim apoiará os esforços de Caracas para desenvolver a sua economia e melhorar as condições de vida dos venezuelanos.

Li Keqiang realçou igualmente que a China deseja incrementar as trocas comerciais com a Venezuela.

Nicolas Maduro que se avistou com o seu homólogo chinês Xi Jinping, agradeceu a China pela ajuda. Na mesma ocasião,o Presidente Jinping reiterou a vontade do seu país, de apoiar os esforços visando a estabilidade e o desenvolvimento da Venezuela

Nos últimos dez anos, a China contribuiu com mais de 50 mil milhões de dólares para a economia venezuelana, através de acordos de petróleo contra empréstimos, que ajudaram Pequim a dispôr dos recursos energéticos necessários ao rápido desenvolvimento da sua economia.

 
Lamentamos, mas o prazo para estabelecer a ligação em causa foi ultrapassado.