Ouvir Carregar Podcast
  • 16h00 - 16h06 TMG
    Noticiário 13/08 16h00 GMT
  • 16h00 - 16h10 TMG
    Noticiário 17/08 16h00 GMT
  • 16h06 - 16h30 TMG
    Segunda parte da emissão 13/08 16h06 GMT
  • 16h10 - 16h30 TMG
    Segunda parte da emissão 17/08 16h10 GMT
  • 17h00 - 17h06 TMG
    Noticiário 13/08 17h00 GMT
  • 17h00 - 17h10 TMG
    Noticiário 17/08 17h00 GMT
  • 17h06 - 17h30 TMG
    Segunda parte da emissão 13/08 17h06 GMT
  • 17h10 - 17h30 TMG
    Segunda parte da emissão 17/08 17h10 GMT
  • 18h00 - 18h06 TMG
    Noticiário 13/08 18h00 GMT
  • 18h00 - 18h10 TMG
    Noticiário 17/08 18h00 GMT
  • 18h06 - 18h30 TMG
    Segunda parte da emissão 13/08 18h06 GMT
  • 18h10 - 18h30 TMG
    Segunda parte da emissão 17/08 18h10 GMT
  • 19h00 - 19h06 TMG
    Noticiário 13/08 19h00 GMT
  • 19h00 - 19h10 TMG
    Noticiário 17/08 19h00 GMT
  • 19h06 - 19h30 TMG
    Segunda parte da emissão 13/08 19h06 GMT
  • 19h10 - 19h30 TMG
    Segunda parte da emissão 17/08 19h10 GMT
Para aproveitar em pleno os conteúdos mutimedia, deve ter o plugin Flash instalado no seu navegador. Para estabelecer a ligação deve activar os cookies nos parâmetros do seu navegador. Para poder navegar de forma ideal o site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e + etc.
África

Angola entre os 11 paises mais corruptos

media

Segundo o relatório da Transparência Internacional, Angola está entre os onze países com pior pontuação no ranking, tendo descido seis posições na tabela, quando comparado com o ano passado.

O relatório “Índice de Perceção da Corrupção 2010” avaliou o grau de corrupção no setor público em 178 países, dos quais 75 por cento têm pontuação na tabela abaixo de cinco, o que indica um grave problema de corrupção.

Nesta análise, Angola obteve 1.9 pontos, a mesma cotação que tinha obtido no relatório do ano passado, porém a cotação de alguns países foi considerada melhor, o que fez com que o país africano caísse no ranking, ocupando agora o 168°.

Já Cabo Verde, devido à má prestação de outros países, conseguiu subir na tabela e ocupa este ano a quadragésima sexta posição na tabela do relatório divulgado hoje pela organização não-governamental.
Moçambique também evoluiu na tabela passando de 130 para 116, a mesma situação aconteceu com a Guiné Bissau que passou de 162° para 154° e São Tomé e Príncipe de 111° para a 101° posição.

Neste relatório a destacam-se ainda os países que conseguiram melhor qualificação e onde a Dinamarca, Nova Zelândia e Singapura ocupam o primeiro lugar dos países menos corruptos, seguidos da Finlândia e Suécia.
As piores qualificações ficam para o Iraque, Afeganistão e Birmânia, sendo que o país mais corrupto do mundo é a Birmânia.

O relatório avança ainda que apesar dos investimentos de vários governos para tentar minimizar os problemas mundiais mais permentes, a corrupção continua a ser um obstáculo à conquista dos avanços necessários.
 

 
Lamentamos, mas o prazo para estabelecer a ligação em causa foi ultrapassado.