Ouvir Carregar Podcast
  • 16h00 - 16h06 TMG
    Noticiário 16/07 16h00 GMT
  • 16h00 - 16h10 TMG
    Noticiário 20/07 16h00 GMT
  • 16h06 - 16h30 TMG
    Segunda parte da emissão 16/07 16h06 GMT
  • 16h10 - 16h30 TMG
    Segunda parte da emissão 20/07 16h10 GMT
  • 17h00 - 17h06 TMG
    Noticiário 16/07 17h00 GMT
  • 17h00 - 17h10 TMG
    Noticiário 20/07 17h00 GMT
  • 17h06 - 17h30 TMG
    Segunda parte da emissão 16/07 17h06 GMT
  • 17h10 - 17h30 TMG
    Segunda parte da emissão 20/07 17h10 GMT
  • 18h00 - 18h06 TMG
    Noticiário 16/07 18h00 GMT
  • 18h00 - 18h10 TMG
    Noticiário 20/07 18h00 GMT
  • 18h06 - 18h30 TMG
    Segunda parte da emissão 16/07 18h06 GMT
  • 18h10 - 18h30 TMG
    Segunda parte da emissão 20/07 18h10 GMT
  • 19h00 - 19h06 TMG
    Noticiário 16/07 19h00 GMT
  • 19h00 - 19h10 TMG
    Noticiário 20/07 19h00 GMT
  • 19h06 - 19h30 TMG
    Segunda parte da emissão 16/07 19h06 GMT
  • 19h10 - 19h30 TMG
    Segunda parte da emissão 20/07 19h10 GMT
Para aproveitar em pleno os conteúdos mutimedia, deve ter o plugin Flash instalado no seu navegador. Para estabelecer a ligação deve activar os cookies nos parâmetros do seu navegador. Para poder navegar de forma ideal o site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e + etc.
África

São Tomé e Príncipe assinalou o Dia Internacional da Francofonia

media Logótipo da Organização Internacional da Francofonia

A 20 de Março assinala-se o Dia Internacional da Francofonia. Uma data em que se celebra a língua francesa. São Tomé e Príncipe, também, assinalou a efeméride, que este ano é dedicada aos jovens. Na ilha do Príncipe vai ser criado um centro de língua e cultura francesas.  

No dia 20 de Março comemora-se o Dia Internacional da Francofonia. Uma data em que se celebra a língua francesa que abrange, pelo menos, 710 milhões de pessoas, que se distribuem pelos 63 Estados e Governos da Organização Internacional da Francofonia (OIF).

São Tomé e Príncipe, também, assinalou a efeméride, que este ano é dedicada aos jovens. Na ilha do Príncipe, que no passado pertenceu à França, vai ser criado um centro de língua e cultura francesas. O anúncio foi feito por um membro da Cooperação Francesa, no ato comemorativo dos 41 anos da OIF.

Mas as alusões à Língua Francesa não se ficam por aqui, em Maio deste ano, está prevista a realização de um ciclo de atividades de língua e cultura francesas. O objetivo é mobilizar os jovens da ilha do Príncipe que, em finais do século XVI, foi um protetorado francês. Para além de atividades desportivas e culturais o Príncipe acolheu concursos orais e escritos, que refletiu a unidade, um dos principais pilares da francofonia.

Este ano, como nas comemorações estão centradas nos jovens, o Governo de São Tomé e Príncipe, através do Ministério dos Negócios Estrangeiros, decidiu organizar esta segunda-feira uma atividade no espaço "Cacau" - um centro de arte, cultura e utopia que acolhe um elevado número de jovens.

São Tomé e Príncipe tornou-se membro em pleno direito da OIF em 1997, na Cimeira dos Chefes de Estado e de Governo realizada em Hanoi, no Vietname. Desde essa altura, a presença e o papel desta organização tem tido uma evolução significativa no país, principalmente nos domínios da cooperação política e diplomática, ensino, formação e intercâmbio cultural.

A data, 20 de Março, foi escolhida e conservada em homenagem à assinatura do tratado da criação da Agência Intergovernamental da Francofonia, o operador principal da OIF, em 1970, na cidade de Niamey, na Nigéria.

A Organização Internacional da Francofonia, defende quatro grandes objetivos, que foram definidos em Novembro de 2004, em Ouagadougou, no Burkina-Faso: promover a língua francesa e a diversidade cultural linguística; promover a paz, a democracia e os direitos do homem; apoiar a educação, a formação, o ensino superior e a pesquisa; desenvolver a cooperação ao serviço do desenvolvimento sustentável e da solidariedade.

Com a colaboração do nosso correspondente em São Tomé, Maximino Carlos.
 

 
Lamentamos, mas o prazo para estabelecer a ligação em causa foi ultrapassado.