Ouvir Carregar Podcast
  • 16h00 - 16h06 TMG
    Noticiário 11/11 16h00 GMT
  • 16h00 - 16h10 TMG
    Noticiário 13/11 16h00 GMT
  • 16h06 - 16h30 TMG
    Segunda parte da emissão 11/11 16h06 GMT
  • 16h10 - 16h30 TMG
    Segunda parte da emissão 13/11 16h10 GMT
  • 17h00 - 17h06 TMG
    Noticiário 11/11 17h00 GMT
  • 17h00 - 17h10 TMG
    Noticiário 13/11 17h00 GMT
  • 17h06 - 17h30 TMG
    Segunda parte da emissão 11/11 17h06 GMT
  • 17h10 - 17h30 TMG
    Segunda parte da emissão 13/11 17h10 GMT
  • 18h00 - 18h06 TMG
    Noticiário 11/11 18h00 GMT
  • 18h00 - 18h10 TMG
    Noticiário 13/11 18h00 GMT
  • 18h06 - 18h30 TMG
    Segunda parte da emissão 11/11 18h06 GMT
  • 18h10 - 18h30 TMG
    Segunda parte da emissão 13/11 18h10 GMT
  • 19h00 - 19h06 TMG
    Noticiário 11/11 19h00 GMT
  • 19h00 - 19h10 TMG
    Noticiário 13/11 19h00 GMT
  • 19h06 - 19h30 TMG
    Segunda parte da emissão 11/11 19h06 GMT
  • 19h10 - 19h30 TMG
    Segunda parte da emissão 13/11 19h10 GMT
Para aproveitar em pleno os conteúdos mutimedia, deve ter o plugin Flash instalado no seu navegador. Para estabelecer a ligação deve activar os cookies nos parâmetros do seu navegador. Para poder navegar de forma ideal o site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e + etc.

Abel Chivukuvuku: "A CASA pode corresponder aos objectivos dos angolanos duma governação positiva"

Abel Chivukuvuku:
 
Abel Chivukuvuku dans les locaux de RFI Marco Martins

O nosso Convidado é Abel Chivukuvuku, Presidente da CASA-CE,  Convergência Ampla de Salvação de Angola - Coligação Eleitoral, que efectua actualmente um périplo pela Europa, nomeadamente Portugal, França, Reino Unido e pelos Estados Unidos.

 

Aqui em Paris, após os seus encontros com partidos políticos franceses e a comunidade angolana em França,  Abel Chivukuvuku veio aos nossos estúdios falar dos objetivos deste périplo, da situação política angolana, da corrupção e da violência e das perspectivas da CASA-CE em relação às eleições autárquicas e legislativas em Angola.

 

" (...) A CASA vai participar nas eleições autárquicas de 2015, sozinha ou no quadro de uma agenda a favor da oposição, que é a nossa proposta.

(...) A CASA é um partido proeminente em Angola e pode de facto corresponder aos objectivos dos angolanos de ter uma governação positiva e incorrupta; (...) Angola é um dos países com uma governação das mais corruptas no mundo", afirma Chivukuvuku nesta entrevista.

  1. 1
  2. 2
  3. 3
  4. ...
  5. seguinte >
  6. último >
As emissões
 
Lamentamos, mas o prazo para estabelecer a ligação em causa foi ultrapassado.