Ouvir Carregar Podcast
  • 16h00 - 16h10 TMG
    Noticiário 26/06 16h00 GMT
  • 16h00 - 16h06 TMG
    Noticiário 23/06 16h00 GMT
  • 16h06 - 16h30 TMG
    Segunda parte da emissão 23/06 16h06 GMT
  • 16h10 - 16h30 TMG
    Segunda parte da emissão 26/06 16h10 GMT
  • 17h00 - 17h10 TMG
    Noticiário 26/06 17h00 GMT
  • 17h00 - 17h06 TMG
    Noticiário 23/06 17h00 GMT
  • 17h06 - 17h30 TMG
    Segunda parte da emissão 23/06 17h06 GMT
  • 17h10 - 17h30 TMG
    Segunda parte da emissão 26/06 17h10 GMT
  • 18h00 - 18h10 TMG
    Noticiário 26/06 18h00 GMT
  • 18h00 - 18h06 TMG
    Noticiário 23/06 18h00 GMT
  • 18h06 - 18h30 TMG
    Segunda parte da emissão 23/06 18h06 GMT
  • 18h10 - 18h30 TMG
    Segunda parte da emissão 26/06 18h10 GMT
  • 19h00 - 19h10 TMG
    Noticiário 26/06 19h00 GMT
  • 19h00 - 19h06 TMG
    Noticiário 23/06 19h00 GMT
  • 19h06 - 19h30 TMG
    Segunda parte da emissão 23/06 19h06 GMT
  • 19h10 - 19h30 TMG
    Segunda parte da emissão 26/06 19h10 GMT
Para aproveitar em pleno os conteúdos mutimedia, deve ter o plugin Flash instalado no seu navegador. Para estabelecer a ligação deve activar os cookies nos parâmetros do seu navegador. Para poder navegar de forma ideal o site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e + etc.
África

RDC: Líderes da oposição rasgam acordo de Genebra

media Félix Tshisekedi (esquerda) e Vital Kamerhe (direita) rasgaram o acordo de Genebra. Fotomontagem/RFI

Na RDC, a oposição já não tem um candidato único para as eleições presidenciais. O projecto dos partidos da oposição acabou por não se realizar, 24 horas apenas, após a assinatura do acordo de Genebra.

Martin Fayulu, líder do Movimento pela Cidadania e Desenvolvimento, já não é o candidato único da oposição para as eleições presidenciais, isto após Félix Tshisekedi da União para a Democracia e o Progresso Social e Vital Kamerhe da União para a Nação Congolesa terem rasgado o Acordo de Genebra.

Os dois líderes não concordaram com a designação de Martin Fayulu, como candidato único para defrontar o ex-ministro do Interior, Emmanuel Ramazani Shadary, o candidato do Presidente da RDC, Joseph Kabila.

No entanto no caso de Félix Tshisekedi, o líder da UDPS acabou por ceder à pressão dos seus apoiantes que não estavam satisfeitos com a decisão tomada pelo seu dirigente.

A dez dias da Presidencial, a oposição teve um duro golpe sem dois apoios de peso. Emmanuel Ramazani Shadary, o candidato do Presidente da RDC, já reagiu pedindo aqueles que estão decepcionados com a oposição, que votei na sua candidatura.

Sobre o mesmo assunto
 
Lamentamos, mas o prazo para estabelecer a ligação em causa foi ultrapassado.