Ouvir Carregar Podcast
  • 16h00 - 16h10 TMG
    Noticiário 18/10 16h00 GMT
  • 16h00 - 16h06 TMG
    Noticiário 13/10 16h00 GMT
  • 16h06 - 16h30 TMG
    Segunda parte da emissão 13/10 16h06 GMT
  • 16h10 - 16h30 TMG
    Segunda parte da emissão 18/10 16h10 GMT
  • 17h00 - 17h10 TMG
    Noticiário 18/10 17h00 GMT
  • 17h00 - 17h06 TMG
    Noticiário 13/10 17h00 GMT
  • 17h06 - 17h30 TMG
    Segunda parte da emissão 13/10 17h06 GMT
  • 17h10 - 17h30 TMG
    Segunda parte da emissão 18/10 17h10 GMT
  • 18h00 - 18h10 TMG
    Noticiário 18/10 18h00 GMT
  • 18h00 - 18h06 TMG
    Noticiário 13/10 18h00 GMT
  • 18h06 - 18h30 TMG
    Segunda parte da emissão 13/10 18h06 GMT
  • 18h10 - 18h30 TMG
    Segunda parte da emissão 18/10 18h10 GMT
  • 19h00 - 19h10 TMG
    Noticiário 18/10 19h00 GMT
  • 19h00 - 19h06 TMG
    Noticiário 13/10 19h00 GMT
  • 19h06 - 19h30 TMG
    Segunda parte da emissão 13/10 19h06 GMT
  • 19h10 - 19h30 TMG
    Segunda parte da emissão 18/10 19h10 GMT
Para aproveitar em pleno os conteúdos mutimedia, deve ter o plugin Flash instalado no seu navegador. Para estabelecer a ligação deve activar os cookies nos parâmetros do seu navegador. Para poder navegar de forma ideal o site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e + etc.
África

Líbia: 150 desaparecidos em naufrágio

media Migrantes resgatados pela guarda costeira da Líbia em janeiro de 2018. REUTERS/Hani Amara

O alto comissário da ONU para os refugiados disse que, até ao momento, esta é a pior tragédia no Mediterrâneo este ano. Teme-se a morte de cerca de 150 pessoas.

O Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados (ACNUR) fala no desaparecimento de 150 pessoas. Outras 150 foram salvas pela guarda costeira do país e pescadores locais que levaram as vítimas para terra, onde receberam entretanto assistência médica.

Segundo declarações de fontes de segurança à agência espanhola EFE, a embarcação tinha deixado a cidade líbia de Al Khoms, a 120 quilómetros a leste de Trípoli, e não se sabe até ao momento se o naufrágio envolveu mais do que uma embarcação.

"Notícias terríveis. As informações dão conta de um grande naufrágio ao largo da costa da Líbia", disse Charlie Yaxley, porta-voz do ACNUR para a África e o Mediterrâneo, numa mensagem publicada na sua conta oficial da rede social Twitter, o que lançou o alerta para a catástrofe.

É preciso recordar que a Líbia é o ponto de partida para quem tenta atravessar o Mar Mediterrâneo para chegar à Europa. Segundo o último relatório da Organização Internacional das Migrações, mais de 600 pessoas morreram desde o início do ano no mar Mediterrâneo ao tentarem chegar ao continente europeu.
Já no ano passado, foram mais de 2.000 os migrantes que perderam a vida nesta travessia.

Sobre o mesmo assunto
 
Lamentamos, mas o prazo para estabelecer a ligação em causa foi ultrapassado.