Ouvir Carregar Podcast
  • 16h00 - 16h06 TMG
    Noticiário 27/11 16h00 GMT
  • 16h00 - 16h10 TMG
    Noticiário 02/12 16h00 GMT
  • 16h06 - 16h30 TMG
    Segunda parte da emissão 27/11 16h06 GMT
  • 16h10 - 16h30 TMG
    Segunda parte da emissão 02/12 16h10 GMT
  • 17h00 - 17h06 TMG
    Noticiário 27/11 17h00 GMT
  • 17h00 - 17h10 TMG
    Noticiário 02/12 17h00 GMT
  • 17h06 - 17h30 TMG
    Segunda parte da emissão 27/11 17h06 GMT
  • 17h10 - 17h30 TMG
    Segunda parte da emissão 02/12 17h10 GMT
  • 18h00 - 18h06 TMG
    Noticiário 27/11 18h00 GMT
  • 18h00 - 18h10 TMG
    Noticiário 02/12 18h00 GMT
  • 18h06 - 18h30 TMG
    Segunda parte da emissão 27/11 18h06 GMT
  • 18h10 - 18h30 TMG
    Segunda parte da emissão 02/12 18h10 GMT
  • 19h00 - 19h06 TMG
    Noticiário 27/11 19h00 GMT
  • 19h00 - 19h10 TMG
    Noticiário 02/12 19h00 GMT
  • 19h06 - 19h30 TMG
    Segunda parte da emissão 27/11 19h06 GMT
  • 19h10 - 19h30 TMG
    Segunda parte da emissão 02/12 19h10 GMT
Para aproveitar em pleno os conteúdos mutimedia, deve ter o plugin Flash instalado no seu navegador. Para estabelecer a ligação deve activar os cookies nos parâmetros do seu navegador. Para poder navegar de forma ideal o site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e + etc.
Angola

Governador de Luanda quer limpar a cidade

media Luanda, Angola. Miguel Martins

O novo governador de Luanda, Higino Carneiro, pretende implementar a partir de Março um plano de limpeza da capital do país, invadida há meses pelo lixo.

O problema do lixo em Luanda continua a dar que falar. O novo governador de Luanda, Higino Carneiro, afirmou que pretende implementar um plano para limpar a capital do pais no próximo mês de Março.

De referir que o problema do lixo dura há vários meses em Luanda, e não é o único problema. Com as águas estagnadas, há a aparição de doenças como por exemplo a febre amarela. Aliás esta doença já provocou a morte de várias pessoas.

Rafael Morais, coordenador de direcção da ONG SOS Habitat, alerta para o perigo de saúde pública que tal representa, pelo que segundo ele se houver vontade política as medidas devem ser tomadas já e não em Março.

Rafael Morais, coordenador de direcção da SOS Habitat 25/01/2016 ouvir

Sobre o mesmo assunto
 
Lamentamos, mas o prazo para estabelecer a ligação em causa foi ultrapassado.