Ouvir Carregar Podcast
  • 16h00 - 16h06 TMG
    Noticiário 10/12 16h00 GMT
  • 16h00 - 16h10 TMG
    Noticiário 15/12 16h00 GMT
  • 16h06 - 16h30 TMG
    Segunda parte da emissão 10/12 16h06 GMT
  • 16h10 - 16h30 TMG
    Segunda parte da emissão 15/12 16h10 GMT
  • 17h00 - 17h06 TMG
    Noticiário 10/12 17h00 GMT
  • 17h00 - 17h10 TMG
    Noticiário 15/12 17h00 GMT
  • 17h06 - 17h30 TMG
    Segunda parte da emissão 10/12 17h06 GMT
  • 17h10 - 17h30 TMG
    Segunda parte da emissão 15/12 17h10 GMT
  • 18h00 - 18h06 TMG
    Noticiário 10/12 18h00 GMT
  • 18h00 - 18h10 TMG
    Noticiário 15/12 18h00 GMT
  • 18h06 - 18h30 TMG
    Segunda parte da emissão 10/12 18h06 GMT
  • 18h10 - 18h30 TMG
    Segunda parte da emissão 15/12 18h10 GMT
  • 19h00 - 19h06 TMG
    Noticiário 10/12 19h00 GMT
  • 19h00 - 19h10 TMG
    Noticiário 15/12 19h00 GMT
  • 19h06 - 19h30 TMG
    Segunda parte da emissão 10/12 19h06 GMT
  • 19h10 - 19h30 TMG
    Segunda parte da emissão 15/12 19h10 GMT
Para aproveitar em pleno os conteúdos mutimedia, deve ter o plugin Flash instalado no seu navegador. Para estabelecer a ligação deve activar os cookies nos parâmetros do seu navegador. Para poder navegar de forma ideal o site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e + etc.

Lúcia de Carvalho, a porta-voz do “kuzola” em França

Lúcia de Carvalho, a porta-voz do “kuzola” em França
 
Carina Branco

A cantora franco-angolana Lúcia de Carvalho lançou, em França, o disco “Kuzola”, um álbum feito entre o Brasil, Angola e França. As gravações envolveram cerca de 30 músicos dos três países e foram acompanhadas pela realização do documentário “Kuzola, o Canto das Raízes”.

Mais do que uma simples viagem musical entre o Brasil, Angola e a França, o disco “Kuzola” é o resultado de uma viagem interior de Lúcia de Carvalho em busca das suas raízes. “Kuzola” significa “amar em quimbundo” (idioma banto de Angola) e a cantora promete espalhar, com a sua voz, o “kuzola” no país que a adoptou.

Lúcia de Carvalho tem 36 anos, nasceu em Luanda, foi viver para Almada aos seis anos e aos 12 foi adoptada por uma família francesa. O seu percurso reencontrou a lusofonia através de um grupo de músicas tradicionais brasileiras e agora também escreve e canta em português.

Nesta reportagem, descubra o “kuzola “ de Lúcia de Carvalho, um universo ecléctico que mistura semba angolano, samba brasileiro, funk, soul, pop, rock e música latina. Pelo caminho, conheça, em som, as imagens de “Kuzola, o Canto das Raízes”, o documentário de Hugo Bachelet.
 


Sobre o mesmo assunto

  • Artes

    A artista luso-angolana Lúcia de Carvalho triunfa em Paris

    Saber mais

  • Artes

    A soprano Raquel Camarinha explora limites da voz

    Saber mais

  • Artes

    'Luanda, Los Angeles, Lisboa' de António Ole

    Saber mais

  • Artes

    "Artistas de Angola e Moçambique"

    Saber mais

  • Artes

    Os melhores da música cabo-verdiana

    Saber mais

  • Cabinda manifesta amanhã contra violação de direitos humanos

    Cabinda manifesta amanhã contra violação de direitos humanos

    A Associação para o Desenvolvimento da Cultura dos Direitos Humanos em Cabinda convocou para este sábado (16/12) uma manifestação pacífica, …

  • Macau visto por um deputado

    Macau visto por um deputado

    Quase 18 anos após a transferência de soberania de Portugal para a China, Macau é abalado pela perda inédita de mandato de um deputado. O caso …

  • Cabo Verde

    Cabo Verde "muito satisfeito" com One Planet

    O ministro dos Negócios Estrangeiros de Cabo Verde fez um balanço positivo da cimeira "One Planet” que decorreu ontem em Paris.

  • Macau e as novidades do mercado do filme

    Macau e as novidades do mercado do filme

    Os cineastas portugueses Jerónimo Rocha e Frederico Serra apresentaram no Mercado do filme do Festival de cinema de Macau o projecto de longa metragem "Dédalo". …

  • Macau: fonte de inspiração para o cinema

    Macau: fonte de inspiração para o cinema

    O produtor português Luís Urbano integra o grupo de cinco conselheiros internacionais do Festival de cinema de Macau. Ele que produz Projecto Global, filme …

  • Macau quer ser referência em festivais de cinema

    Macau quer ser referência em festivais de cinema

    Maria Helena Senna Fernandes, directora do Turismo de Macau e presidente do Festival de cinema deste antigo território português no sul da China, enfatiza …

  • "A fábrica de nada" chega a Macau

    "A fábrica de nada" do realizador português Pedro Pinho está em exibição no 2° Festival internacional de cinema de Macau. …

  1. 1
  2. 2
  3. 3
  4. ...
  5. seguinte >
  6. último >
As emissões
 
Lamentamos, mas o prazo para estabelecer a ligação em causa foi ultrapassado.