Ouvir Carregar Podcast
  • 16h00 - 16h06 TMG
    Noticiário 23/09 16h00 GMT
  • 16h00 - 16h10 TMG
    Noticiário 24/09 16h00 GMT
  • 16h06 - 16h30 TMG
    Segunda parte da emissão 23/09 16h06 GMT
  • 16h10 - 16h30 TMG
    Segunda parte da emissão 24/09 16h10 GMT
  • 17h00 - 17h06 TMG
    Noticiário 23/09 17h00 GMT
  • 17h00 - 17h10 TMG
    Noticiário 24/09 17h00 GMT
  • 17h06 - 17h30 TMG
    Segunda parte da emissão 23/09 17h06 GMT
  • 17h10 - 17h30 TMG
    Segunda parte da emissão 24/09 17h10 GMT
  • 18h00 - 18h06 TMG
    Noticiário 23/09 18h00 GMT
  • 18h00 - 18h10 TMG
    Noticiário 24/09 18h00 GMT
  • 18h06 - 18h30 TMG
    Segunda parte da emissão 23/09 18h06 GMT
  • 18h10 - 18h30 TMG
    Segunda parte da emissão 24/09 18h10 GMT
  • 19h00 - 19h06 TMG
    Noticiário 23/09 19h00 GMT
  • 19h00 - 19h10 TMG
    Noticiário 24/09 19h00 GMT
  • 19h06 - 19h30 TMG
    Segunda parte da emissão 23/09 19h06 GMT
  • 19h10 - 19h30 TMG
    Segunda parte da emissão 24/09 19h10 GMT
Para aproveitar em pleno os conteúdos mutimedia, deve ter o plugin Flash instalado no seu navegador. Para estabelecer a ligação deve activar os cookies nos parâmetros do seu navegador. Para poder navegar de forma ideal o site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e + etc.
Angola

Angola: Restos mortais do general "Ben Ben" trasladados

media UNITA. AMPE ROGERIO / AFP

Foram trasladados hoje da África do Sul para Angola os restos mortais do general da UNITA, Arlindo Chenda Pena "Ben Ben", falecido em 1998 num hospital em Joanesburgo. Desde então, as autoridades sul-africanas mantiveram o corpo embalsamado para a qualquer momento poder ser repatriado para Angola.

Os restos mortais do general angolano Arlindo Chenda Pena “Ben Ben” regressaram a Angola, 20 anos depois de ter morrido num hospital na África do Sul. No aeroporto militar de Luanda, os restos mortais foram recebidos com honras militares.

O corpo de “Ben Ben”, por se tratar de uma alta patente militar foi, após a morte, embalsamado para que mais tarde houvesse a possibilidade de o corpo ser entregue à família de forma digna.

Em Luanda o corpo vai ficar nas instalações do regimento de infantaria 20, onde será velado e permanecerá até sexta-feira de manhã para ser prestada uma homenagem pelo Governo, pelas Forças Armadas e outras organizações partidárias e da sociedade civil.

Após o acto, o corpo será transportado de avião para o Cuito e depois para o Andulo. De notar que o corpo do general estava até agora sepultado no cemitério de Zandfontein, em Pretória, na África do Sul.

A Presidência sul-africana considerou esta trasladação como um contributo para a reconciliação angolana.

Recorde-se que a Casa Civil do Presidente da República de Angola explicou que tomou a iniciativa de solicitar às autoridades da África do Sul a trasladação para o país dos restos mortais do antigo vice-chefe do Estado-Maior das FALA (Forças Armadas de Libertação de Angola), então braço militar da União Nacional para a Independência de Angola (UNITA).

A decisão de repatriar os restos mortais surgiu na sequência de um pedido do líder da UNITA, Isaías Samakuva, ao Presidente angolano, João Lourenço, que, por sua vez, contactou o homólogo sul-africano, Cyril Ramaphosa, que deu "luz verde" à exumação.

Mais pormenores com o nosso correspondente em Luanda, Avelino Miguel.

Correspondência de Avelino Miguel 13/09/2018 ouvir

Sobre o mesmo assunto
 
Lamentamos, mas o prazo para estabelecer a ligação em causa foi ultrapassado.