Ouvir Carregar Podcast
  • 16h00 - 16h10 TMG
    Noticiário 16/07 16h00 GMT
  • 16h00 - 16h06 TMG
    Noticiário 14/07 16h00 GMT
  • 16h06 - 16h30 TMG
    Segunda parte da emissão 14/07 16h06 GMT
  • 16h10 - 16h30 TMG
    Segunda parte da emissão 16/07 16h10 GMT
  • 17h00 - 17h06 TMG
    Noticiário 14/07 17h00 GMT
  • 17h00 - 17h10 TMG
    Noticiário 16/07 17h00 GMT
  • 17h06 - 17h30 TMG
    Segunda parte da emissão 14/07 17h06 GMT
  • 17h10 - 17h30 TMG
    Segunda parte da emissão 16/07 17h10 GMT
  • 18h00 - 18h06 TMG
    Noticiário 14/07 18h00 GMT
  • 18h00 - 18h10 TMG
    Noticiário 16/07 18h00 GMT
  • 18h06 - 18h30 TMG
    Segunda parte da emissão 14/07 18h06 GMT
  • 18h10 - 18h30 TMG
    Segunda parte da emissão 16/07 18h10 GMT
  • 19h00 - 19h06 TMG
    Noticiário 14/07 19h00 GMT
  • 19h00 - 19h10 TMG
    Noticiário 15/07 19h00 GMT
  • 19h06 - 19h30 TMG
    Segunda parte da emissão 14/07 19h06 GMT
  • 19h10 - 19h30 TMG
    Segunda parte da emissão 15/07 19h10 GMT
Para aproveitar em pleno os conteúdos mutimedia, deve ter o plugin Flash instalado no seu navegador. Para estabelecer a ligação deve activar os cookies nos parâmetros do seu navegador. Para poder navegar de forma ideal o site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e + etc.

“A cantiga é uma arma”

“A cantiga é uma arma”
 
Francisco Fanhais, um dos grandes nomes da música de intervenção portuguesa. Francisco Fanhais

A força da música de intervenção também emigrou “a salto” para França nos anos 60, ao ritmo de milhares de portugueses que viravam as costas ao fascismo. Foram vários os que, a partir de Paris, lutaram contra o fascismo e a guerra colonial e militaram pela libertação dos povos. Foi o caso de Francisco Fanhais que canta, esta quinta-feira, em Paris.

Neste programa, feito por ocasião da vinda a Paris de Francisco Fanhais para um concerto em torno da “canção como arma pela liberdade”, falámos com este músico maior da canção de protesto portuguesa - que esteve exilado em Paris entre 1971 e 1974 - e com etnomusicólogos especializados na música de intervenção que estiveram no colóquio “Recusar o Silêncio” durante a exposição “Refuser la Guerre Coloniale” na Casa de Portugal, em Paris.

Música de intervenção contra fascismo e guerra colonial 09/05/2019 ouvir

Também pode ouvir a entrevista completa de Francisco Fanhais, este antigo padre que lutou contra a ditadura e a guerra colonial e que o fascismo tentou silenciar. Uma voz que nunca se calou e que regressa a Paris para um concerto evocativo da Revolução dos Cravos. Um momento que também marca a criação de um núcleo de amigos de Zeca Afonso em Paris. Porque “a música ajuda a tocar os sinos que cada homem tem no coração”, recorda Francisco Fanhais em referência ao poema de Manuel Alegre que começa com “Cantar não é talvez suficiente…” E porque “a cantiga é uma arma”, como alertou José Mário Branco.

Entrevista completa a Francisco Fanhais, Cantor de intervenção 09/05/2019 ouvir

Sobre o mesmo assunto

  • França

    Francisco Fanhais volta a cantar em Paris hinos anti-fascistas

    Saber mais

  • Convidado

    Os silêncios e os gritos da guerra colonial

    Saber mais

  • Convidado

    Também houve LUAR em Maio de 68

    Saber mais

  • Convidado

    Maio de 68 nas barricadas da rua Gay-Lussac 

    Saber mais

  • Convidado

    “A Primavera do Exílio” num “estranho mês de Maio”

    Saber mais

  • Convidado

    Um Maio de 68 entre as barricadas e a Casa de Portugal

    Saber mais

  • Convidado

    Maio de 68 e a “revolução” de Vasco Martins

    Saber mais

  • Vida em França

    A fuga de 60 estudantes afrolusófonos de Portugal para França deu um livro

    Saber mais

  • Artes

    “Era Angola”, fantasmas da guerra em fotografia

    Saber mais

  • Artes

    José Vieira, o cineasta do “país onde nunca se regressa”

    Saber mais

  • Paris Plages volta a animar verão parisiense

    Paris Plages volta a animar verão parisiense

    Começou no sábado passado (6) e prolonga-se até ao início de Setembro, a 18° edição do Paris Plages, um conceito iniciado na capital francesa em 2002, com o objectivo …

  • França deixa de reembolsar homeopatia

    França deixa de reembolsar homeopatia

    Em França, a comissão para a alta autoridade da saúde decidiu por termo ao reembolso da homeopatia pela segurança social, por não ter sido provado a sua eficácia.Todavia, …

  • A moda de Susana Bettencourt distinguida em Paris

    A moda de Susana Bettencourt distinguida em Paris

    A designer de moda Susana Bettencourt ficou, esta quarta-feira, em segundo lugar nos prémios E-Fashion Awards, em Paris, um evento criado por uma rede de escolas francesas …

  • Designer português Hugo Costa novamente em Paris

    Designer português Hugo Costa novamente em Paris

    Tem estado a decorrer nestes dias a Semana da Moda Masculina aqui em Paris. Neste âmbito, Portugal marcou presença com um dos seus designers, Hugo Costa, que foi inserido …

  • Chumbo de Notre-Dame assusta Paris

    Chumbo de Notre-Dame assusta Paris

    Este sábado, vai ser celebrada a primeira missa na Catedral de Notre-Dame, em Paris, dois meses depois do incêndio que destruiu a estrutura superior do monumento. O fogo …

  • Blu Samu: Hip-hop ‘made in Bruxelas’ com raízes lusas

    Blu Samu: Hip-hop ‘made in Bruxelas’ com raízes lusas

    Blu Samu é uma das revelações do novo hip-hop belga e tem conquistado os palcos europeus depois de milhares de visualizações no Youtube. A cantora luso-belga, de 24 anos, …

  • Qual o espaço da arquitectura angolana?

    Qual o espaço da arquitectura angolana?

    A delegação francesa da Fundação Calouste Gulbenkian recebeu esta semana a conferência "Utopias arquitecturais e ruínas políticas em Luanda - 1948-2018".A investigadora …

  1. 1
  2. 2
  3. 3
  4. ...
  5. seguinte >
  6. último >
As emissões
 
Lamentamos, mas o prazo para estabelecer a ligação em causa foi ultrapassado.