Ouvir Carregar Podcast
  • 16h00 - 16h10 TMG
    Noticiário 19/09 16h00 GMT
  • 16h00 - 16h06 TMG
    Noticiário 15/09 16h00 GMT
  • 16h06 - 16h30 TMG
    Segunda parte da emissão 15/09 16h06 GMT
  • 16h10 - 16h30 TMG
    Segunda parte da emissão 19/09 16h10 GMT
  • 17h00 - 17h10 TMG
    Noticiário 19/09 17h00 GMT
  • 17h00 - 17h06 TMG
    Noticiário 15/09 17h00 GMT
  • 17h06 - 17h30 TMG
    Segunda parte da emissão 15/09 17h06 GMT
  • 17h10 - 17h30 TMG
    Segunda parte da emissão 19/09 17h10 GMT
  • 18h00 - 18h10 TMG
    Noticiário 19/09 18h00 GMT
  • 18h00 - 18h06 TMG
    Noticiário 15/09 18h00 GMT
  • 18h06 - 18h30 TMG
    Segunda parte da emissão 15/09 18h06 GMT
  • 18h10 - 18h30 TMG
    Segunda parte da emissão 19/09 18h10 GMT
  • 19h00 - 19h10 TMG
    Noticiário 19/09 19h00 GMT
  • 19h00 - 19h06 TMG
    Noticiário 15/09 19h00 GMT
  • 19h06 - 19h30 TMG
    Segunda parte da emissão 15/09 19h06 GMT
  • 19h10 - 19h30 TMG
    Segunda parte da emissão 19/09 19h10 GMT
Para aproveitar em pleno os conteúdos mutimedia, deve ter o plugin Flash instalado no seu navegador. Para estabelecer a ligação deve activar os cookies nos parâmetros do seu navegador. Para poder navegar de forma ideal o site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e + etc.
Angola

Angola e Cabo Verde estreitam cooperação

media Luanda, capital angolana Opan access/Fabio Vanin

Angola e Cabo Verde assinaram em Luanda três acordos de natureza fiscal e aduaneira, incluindo um protocolo para se evitar a dupla tributação.

O ministro das Finanças angolano referiu que estes acordos assinados entre Angola e Cabo verde em matéria de natureza fiscal e aduaneira “revestem-se da maior importância” para a cooperação entre os dois países.

Archer Mangueira lembrou que estes três acordos trazem para Angola e Cabo Verde enormes vantagens estratégicas que se vão traduzir no crescimento da economia de ambos os países.

O vice-primeiro ministro cabo-verdiano afirmou que estes acordos se inscreverem na sequência de uma série de outros que visam estreitar as relações entre os dois países lusófonos.

Olavo Correia considerou ainda importante que os políticos e dirigentes criem condições para que haja livre circulação de bens, de pessoas e capitais, concretamente no espaço da Comunidade de Países de Língua Portuguesa.

Sobre o mesmo assunto
 
Lamentamos, mas o prazo para estabelecer a ligação em causa foi ultrapassado.