Ouvir Carregar Podcast
  • 16h00 - 16h10 TMG
    Noticiário 16/09 16h00 GMT
  • 16h00 - 16h06 TMG
    Noticiário 15/09 16h00 GMT
  • 16h06 - 16h30 TMG
    Segunda parte da emissão 15/09 16h06 GMT
  • 16h10 - 16h30 TMG
    Segunda parte da emissão 16/09 16h10 GMT
  • 17h00 - 17h10 TMG
    Noticiário 16/09 17h00 GMT
  • 17h00 - 17h06 TMG
    Noticiário 15/09 17h00 GMT
  • 17h06 - 17h30 TMG
    Segunda parte da emissão 15/09 17h06 GMT
  • 17h10 - 17h30 TMG
    Segunda parte da emissão 16/09 17h10 GMT
  • 18h00 - 18h10 TMG
    Noticiário 16/09 18h00 GMT
  • 18h00 - 18h06 TMG
    Noticiário 15/09 18h00 GMT
  • 18h06 - 18h30 TMG
    Segunda parte da emissão 15/09 18h06 GMT
  • 18h10 - 18h30 TMG
    Segunda parte da emissão 16/09 18h10 GMT
  • 19h00 - 19h10 TMG
    Noticiário 16/09 19h00 GMT
  • 19h00 - 19h06 TMG
    Noticiário 15/09 19h00 GMT
  • 19h06 - 19h30 TMG
    Segunda parte da emissão 15/09 19h06 GMT
  • 19h10 - 19h30 TMG
    Segunda parte da emissão 16/09 19h10 GMT
Para aproveitar em pleno os conteúdos mutimedia, deve ter o plugin Flash instalado no seu navegador. Para estabelecer a ligação deve activar os cookies nos parâmetros do seu navegador. Para poder navegar de forma ideal o site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e + etc.
Cabo Verde

Boxe cabo-verdiano estreia-se no Rio2016

media Davilson Morais, segundo pugilista "olímpico" de Cabo Verde www.coc.cv

O pugilista cabo-verdiano Davilson Morais faz esta noite a sua estreia olímpica. Davilson Morais é o segundo puglista cabo-verdiano a estar presente nos Jogos Olímpicos.

Depois de ficar de fora no primeiro combate, fruto do sorteio, Davilson Morais, da categoria de + 91 quilos, defronta o britânico Joseph Joyce a partir das 21:00, hora cabo-verdiana.

O adversário do cabo-verdiano é de grande qualidade, tendo sido campeão do World Series of Boxing em 2015 e ganho em abril passado uma medalha de ouro na pré-olimpíada europeia.

Mas a motivação é grande. Davilson Morais é o segundo puglista cabo-verdiano a estar presente nos Jogos Olímpicos, depois de Flávio Furtado, o actual presidente da Federação Cabo-verdiana de Boxe, que representou o arquipélago nos Jogos de 2004 em Atenas.

No atletismo, Angola e Guiné-Bissau perderam hoje os seus representantes nos 100 metros.
O velocista guineense Holdér da Silva foi quarto na série 1 da fase preliminar ao passo que o angolano Hermenegildo Leite ficou em último na série 2.

Já ontem, o segundo representante do atletismo angolano foi eliminado. Liliana Neto, atleta de 19 anos, terminou em 7º entre oito participantes da série 1 das eliminatórias dos 100 metros.

Ainda pelo atletismo, Cabo Verde e Moçambique disputam esta segunda-feira a primeira eliminatória dos 400 metros barreiras em masculinos com Jordin Andrade e Kurt Couto, respectivamente.

Sobre o mesmo assunto
 
Lamentamos, mas o prazo para estabelecer a ligação em causa foi ultrapassado.