Ouvir Carregar Podcast
  • 16h00 - 16h06 TMG
    Noticiário 17/09 16h00 GMT
  • 16h00 - 16h10 TMG
    Noticiário 20/09 16h00 GMT
  • 16h06 - 16h30 TMG
    Segunda parte da emissão 17/09 16h06 GMT
  • 16h10 - 16h30 TMG
    Segunda parte da emissão 20/09 16h10 GMT
  • 17h00 - 17h06 TMG
    Noticiário 17/09 17h00 GMT
  • 17h00 - 17h10 TMG
    Noticiário 20/09 17h00 GMT
  • 17h06 - 17h30 TMG
    Segunda parte da emissão 17/09 17h06 GMT
  • 17h10 - 17h30 TMG
    Segunda parte da emissão 20/09 17h10 GMT
  • 18h00 - 18h06 TMG
    Noticiário 17/09 18h00 GMT
  • 18h00 - 18h10 TMG
    Noticiário 20/09 18h00 GMT
  • 18h06 - 18h30 TMG
    Segunda parte da emissão 17/09 18h06 GMT
  • 18h10 - 18h30 TMG
    Segunda parte da emissão 20/09 18h10 GMT
  • 19h00 - 19h06 TMG
    Noticiário 17/09 19h00 GMT
  • 19h00 - 19h10 TMG
    Noticiário 20/09 19h00 GMT
  • 19h06 - 19h30 TMG
    Segunda parte da emissão 17/09 19h06 GMT
  • 19h10 - 19h30 TMG
    Segunda parte da emissão 20/09 19h10 GMT
Para aproveitar em pleno os conteúdos mutimedia, deve ter o plugin Flash instalado no seu navegador. Para estabelecer a ligação deve activar os cookies nos parâmetros do seu navegador. Para poder navegar de forma ideal o site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e + etc.
Cabo Verde

"TACV procura solução alternativa para falta de aviões"

media Ulisses Correia e Silva, Primeiro - ministro cabo verdiano DR

O primeiro-ministro, Ulisses Correia e Silva, afirma que a Transportadora Aérea Cabo-verdiana está a trabalhar para solucionar o problema de avaria do único avião da companhia, que tem levado ao cancelamento de vários voos internacionais.

Desde o dia 1 de Setembro que o único avião da TACV, um Boeing 757-200, está avariado, o que levou ao cancelamento de vários voos para Providence, Lisboa, Fortaleza e Recife.

No comunicado enviado à imprensa, na tarde de ontem, a TACV informa que continua à procura de um avião para afretamento, assim como de um motor de substituição equiparado, mas “sem sucesso”, pelas dificuldades do fim de época alta em todos os mercados.

“A estratégia de protecção em companhias terceiras como a TAP, ROYAL AIR MARROCOS e SATA, continua a ser a solução mais viável, estando -  todavia - sujeita à disponibilidade de lugares”, sublinha a mesma fonte.

O comunicado adianta ainda que os mercados mais afectados são os da Praia e São Vicente, com passageiros retidos para a Europa, Brasil e Estados Unidos. A ilha do Sal, realça a nota de imprensa, por dispor de mais companhias a operar, não regista nenhum caso pendente.

Oiça aqui as declarações do chefe do Executivo cabo - verdiano, Ulisses Correia e Silva, ao microfone de Odair Santos, correspondente da RFI em Cabo Verde.

 

Primeiro - ministro de Cabo - Verde, Ulisses Correia e Silva 13/09/2017 ouvir

 

 
Lamentamos, mas o prazo para estabelecer a ligação em causa foi ultrapassado.