Ouvir Carregar Podcast
  • 16h00 - 16h06 TMG
    Noticiário 23/07 16h00 GMT
  • 16h00 - 16h10 TMG
    Noticiário 27/07 16h00 GMT
  • 16h06 - 16h30 TMG
    Segunda parte da emissão 23/07 16h06 GMT
  • 16h10 - 16h30 TMG
    Segunda parte da emissão 27/07 16h10 GMT
  • 17h00 - 17h06 TMG
    Noticiário 23/07 17h00 GMT
  • 17h00 - 17h10 TMG
    Noticiário 27/07 17h00 GMT
  • 17h06 - 17h30 TMG
    Segunda parte da emissão 23/07 17h06 GMT
  • 17h10 - 17h30 TMG
    Segunda parte da emissão 27/07 17h10 GMT
  • 18h00 - 18h06 TMG
    Noticiário 23/07 18h00 GMT
  • 18h00 - 18h10 TMG
    Noticiário 27/07 18h00 GMT
  • 18h06 - 18h30 TMG
    Segunda parte da emissão 23/07 18h06 GMT
  • 18h10 - 18h30 TMG
    Segunda parte da emissão 27/07 18h10 GMT
  • 19h00 - 19h06 TMG
    Noticiário 23/07 19h00 GMT
  • 19h00 - 19h10 TMG
    Noticiário 27/07 19h00 GMT
  • 19h06 - 19h30 TMG
    Segunda parte da emissão 23/07 19h06 GMT
  • 19h10 - 19h30 TMG
    Segunda parte da emissão 27/07 19h10 GMT
Para aproveitar em pleno os conteúdos mutimedia, deve ter o plugin Flash instalado no seu navegador. Para estabelecer a ligação deve activar os cookies nos parâmetros do seu navegador. Para poder navegar de forma ideal o site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e + etc.

“Crime Delicado”, de Sérgio Sant’Anna, é lançado em francês

“Crime Delicado”, de Sérgio Sant’Anna, é lançado em francês
 
http://editionsenvolume.com

Um dos escritores contemporâneos mais representativos e premiados do Brasil, Sérgio Sant’Anna está sendo lançado na França. “Un crime délicat”, da éditions Envolume, conta a história do crítico de teatro Antônio Martins e seu relacionamento com a bela, misteriosa e manca Inês.

“Até aí nada demais”, disse o próprio Sant’Anna, em entrevista à RFI em Paris. “Pois o que interessa mesmo, é a linguagem e a discussão artística que ele propõe”, acrescenta. “Eu também faço uma espécie de brincadeira, uma gozação com o trabalho de um crítico de arte, sua maneira neurótica de racionalizar”. A narrativa desconcertante de “Crime Delicado”, recompensada com o prêmio Jabuti, envolve o leitor em labirinto de interrogações, releituras, deduções e reviravoltas de um suposto crime.

O crítico de arte acaba sendo acusado de ter violado Inês, que parece ser amante de um pintor que ganha destaque e valor com o escândalo. As elucubrações do crítico, primeiro fascinado por uma insólita sensualidade, depois perdido na trama policial, deixam o leitor à vontade para suas próprias conclusões.

Leitura em diferentes camadas

“É um texto-chave na obra do Sérgio Sant’Anna, que pode ser lido em diferentes camadas”, diz Izabella Borges, tradutora de “Crime Delicado” para o francês. “Tem uma trama romântica, com coloração de suspense, e em outra camada, uma espécie de teoria, de manifesto sobre o modernismo, as obras de arte modernas”, avalia.

Nascido no Rio de Janeiro em 1941, Sérgio Sant’Anna tem uma longa lista de prêmios, além de um primeiro Jabuti para “Amazona”, em 1986. O conto “A Senhorita Simpson”, do livro homônimo, foi adaptada para as telas por Bruno Barreto, recebendo o título “Bossa Nova”. “Crime Delicado” também foi filmado, em versão paulistana, pelo diretor Beto Brant.

Salão do Livro 2015

Por ocasião do Salão do Livro de Paris 2015, que tem o Brasil como convidado de honra, a editora Envolume publica a coleção Brésil. Além de “Um Crime Délicat”, de Sérgio Sant’Anna, também será lançado em março “L’Enfant Cachê”, tradução de “Menino Oculto”, de Godofredo Neto. Uma coleção de contos, “Nouvelles brésiliennes”, com nove autores contemporâneos, também estará nas livrarias francesas em breve.
 

  1. 1
  2. 2
  3. 3
  4. ...
  5. seguinte >
  6. último >
As emissões
 
Lamentamos, mas o prazo para estabelecer a ligação em causa foi ultrapassado.