Ouvir Carregar Podcast
  • 16h00 - 16h06 TMG
    Noticiário 20/04 16h00 GMT
  • 16h00 - 16h10 TMG
    Noticiário 19/04 16h00 GMT
  • 16h06 - 16h30 TMG
    Segunda parte da emissão 20/04 16h06 GMT
  • 16h10 - 16h30 TMG
    Segunda parte da emissão 19/04 16h10 GMT
  • 17h00 - 17h10 TMG
    Noticiário 19/04 17h00 GMT
  • 17h00 - 17h06 TMG
    Noticiário 20/04 17h00 GMT
  • 17h06 - 17h30 TMG
    Segunda parte da emissão 20/04 17h06 GMT
  • 17h10 - 17h30 TMG
    Segunda parte da emissão 19/04 17h10 GMT
  • 18h00 - 18h06 TMG
    Noticiário 20/04 18h00 GMT
  • 18h00 - 18h10 TMG
    Noticiário 19/04 18h00 GMT
  • 18h06 - 18h30 TMG
    Segunda parte da emissão 20/04 18h06 GMT
  • 18h10 - 18h30 TMG
    Segunda parte da emissão 19/04 18h10 GMT
  • 19h00 - 19h10 TMG
    Noticiário 19/04 19h00 GMT
  • 19h00 - 19h06 TMG
    Noticiário 14/04 19h00 GMT
  • 19h06 - 19h30 TMG
    Segunda parte da emissão 14/04 19h06 GMT
  • 19h10 - 19h30 TMG
    Segunda parte da emissão 19/04 19h10 GMT
Para aproveitar em pleno os conteúdos mutimedia, deve ter o plugin Flash instalado no seu navegador. Para estabelecer a ligação deve activar os cookies nos parâmetros do seu navegador. Para poder navegar de forma ideal o site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e + etc.
França

COP21: Acordo para o clima só neste sábado

media Participantes na COP 21 descansam após várias noites em claro no Bourget. REUTERS/Jacky Naegelen

Não haverá acordo para o clima no melhor dos casos antes deste sábado. A maratona negocial prolongou-se de novo pela noite dentro, com muitas divergências a persistirem .

 

É caso para dizer que o ritual foi cumprido ! Nunca na história das negociações climáticas ma conferência mundial terminou a tempo e horas ! Resta saber se o record de Durban em 2011 será superado… na África do Sul só no domingo se obtivera fumo branco !

Os financiamentos e, precisamente, as emissões de gases com efeito de estufa, que estão precisamente na origem do braço de ferro entre países desenvolvidos,que poluem há muito, as potências emergentes, que têm vindo a juntar-se ao grupo dos poluidores, e os países em vias de desenvolvimento que pouco poluem, mas que mais sofrem com os efeitos das alterações climáticas.

Por ora o texto continua a diminuir, apenas 27 páginas, mas 48 parágrafos ainda por definir, ou seja a batalha negocial vai prosseguir com as organizações não-governamentais a se demonstrarem preocupadas por se estar a avançar, alegadamente, rumo a um acordo sem verdadeiros mecanismos de controlo.

Tudo indica, porém, que se fixaria o aquecimento do planeta abaixo dos dois graus centígrados, como pretendiam os países menos avançados, actualmente sob liderança angolana.

João Branco, presidente da ONG ambientalista portuguesa Quercus, presente no evento, dà-nos conta de alguns dos pontos que estariam a bloquear o processo negocial e aponta o dedo à China.

João Branco, dirigente da ONG ambientalista portuguesa Quercus 11/12/2015 ouvir

 

 

Sobre o mesmo assunto
 
Lamentamos, mas o prazo para estabelecer a ligação em causa foi ultrapassado.