Ouvir Carregar Podcast
  • 16h00 - 16h06 TMG
    Noticiário 18/06 16h00 GMT
  • 16h00 - 16h10 TMG
    Noticiário 23/06 16h00 GMT
  • 16h06 - 16h30 TMG
    Segunda parte da emissão 18/06 16h06 GMT
  • 16h10 - 16h30 TMG
    Segunda parte da emissão 23/06 16h10 GMT
  • 17h00 - 17h06 TMG
    Noticiário 18/06 17h00 GMT
  • 17h00 - 17h10 TMG
    Noticiário 23/06 17h00 GMT
  • 17h06 - 17h30 TMG
    Segunda parte da emissão 18/06 17h06 GMT
  • 17h10 - 17h30 TMG
    Segunda parte da emissão 23/06 17h10 GMT
  • 18h00 - 18h06 TMG
    Noticiário 18/06 18h00 GMT
  • 18h00 - 18h10 TMG
    Noticiário 23/06 18h00 GMT
  • 18h06 - 18h30 TMG
    Segunda parte da emissão 18/06 18h06 GMT
  • 18h10 - 18h30 TMG
    Segunda parte da emissão 23/06 18h10 GMT
  • 19h00 - 19h06 TMG
    Noticiário 18/06 19h00 GMT
  • 19h00 - 19h10 TMG
    Noticiário 23/06 19h00 GMT
  • 19h06 - 19h30 TMG
    Segunda parte da emissão 18/06 19h06 GMT
  • 19h10 - 19h30 TMG
    Segunda parte da emissão 23/06 19h10 GMT
Para aproveitar em pleno os conteúdos mutimedia, deve ter o plugin Flash instalado no seu navegador. Para estabelecer a ligação deve activar os cookies nos parâmetros do seu navegador. Para poder navegar de forma ideal o site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e + etc.

Morte de Tshisekedi, Turquia e Keynes em França

Morte de Tshisekedi, Turquia e Keynes em França
 
Capas de magazines news franceses de 25 de fevereiro de 2017 RFI/João Matos

Abrimos esta Imprensa semanal, com a JEUNE AFRIQUE que faz a sua capa com a RDC, os órfãos de Tshisekedi. O desaparecimento da Esfinge de Limete e as polémicas sobre a organização dos seus funerais mergulham todo um país na confusão e desordem.

A morte do lendário opositor da RDC a 1 de fevereiro deu lugar a uma violência verbal surreal roçando a indecência de Bruxelas a Kinshasa, nota JEUNE AFRIQUE.

LE POINT, refere-se também a Tshisekedi, o único homem que metia medo ao presidente Joseph Kabila, que reina há 16 anos nesse país rico e eruptivo. Invisível, silêncioso, Kabila ganhou, por enquanto. A

31 de dezembro, durante conversações épicas entre a sua maioria e a oposição sob a égide da Igreja católica, Kabila conseguiu num golpe de mestre prolongar o seu mandato que tinha expirado a 19 de dezembro de 2106. Não foi eleito um sucessor e em princípio a eleição presidencial deve ocorrer dentro de um ano.

A nível internacional, Turquia, a deriva autoritária, pertence ao COURRIER INTERNATIONAL, que faz a sua capa com um dossier especial sobre o regime de Erdogan visto por Cumhuriyet. Desde a tentativa de golpe de estado de 2016, a purga decidida pelo poder decapitou a quase totalidade dos mídias independentes. Subsiste só ou quase isso, o jornal Cumhuriyet, escreve COURRIER INTERNATIONAL na introdução do especial feito pelo jornal turco da oposição

Por cá em França, CHALLENGES faz a sua capa com défice, relançamento, dívida, emprego, desigualdades, proteccionismo… o que diz verdadeiramente Keynes. Os políticos de esquerda e da não se coíbem de se inspirar do grande homem, sobretudo em tempo de eleições.

LE POINT faz a sua capa com as descobertas da cronobiologia, o que os cientistas nos ensinam em matéria de saúde, alimentação, sono, concentração ou energia.

Por seu lado, a capa do L’OBS, é dedicada ao cérebro, novos tratamentos para a adicção a drogas, depressão, bulimia, anorexia... Muitas afecções podem ou poderão em breve ser tratadas pela psicocirurgia.

Em França uma dezena de hospitais já praticam estimulação cerebral profunda. Até onde se pode mudar a personalidade duma pessoa?

Na sua reportagem, L'OBS, nota que as pistas estão abertas.. mas o cérebro continua ser um órgão misterioso, movediço, que não cessa de evoluir quando é solicitado: intervir numa zona é expor o doente a modificações profundas de comportamento, imprevisíveis e indesejaveis.

Pacientes, sob o efeito da estimulação eléctrica profunda, podem tornar-se tristes, agressivos e exaltados.. de maneira temporária ou reversível, garantem os médicos, acrescenta L'OBS.
 


Sobre o mesmo assunto

  • Imprensa Semanal

    “União Africana - TPI: Crónica de um divórcio anunciado”

    Saber mais

  • Imprensa Semanal

    França: campanha presidencial de anseios e escândalos

    Saber mais

  • Imprensa Semanal

    Da nova África, campanhas em França e Estados Unidos

    Saber mais

  • Segredos de juventude de líderes africanos

    Segredos de juventude de líderes africanos

    Da África e  Mia Couto, passando pelo pequeno emirado do Qatar, até aos vinhos de França, são estes alguns dos temas abordados pelos …

  • França: metamorfose  política

    França: metamorfose política

    O  terrorismo  islamista  na  Europa,  o  panorama  político  e  social em  França  revisto  …

  • Intelectuais anti-Macron em França

    Intelectuais anti-Macron em França

    As capas dos newsmagazines franceses destacam assuntos de política, como a vitória de Macron nas presidenciais, ser mulher em França, estudar no …

  • França:Presidente Macron e a parisiense aldeia africana

    França:Presidente Macron e a parisiense aldeia africana

    O novo Presidente francês Emmanuel Macron e o seu círculo africano de Paris, a primeira Dama Brigitte Macron que intriga em França e suscita a curiosidade …

  • Macron, presidente francês e os seus homens

    Macron, presidente francês e os seus homens

    O tema central desta Imprensa semanal é o novo Presidente francês Emmanuel Macron, o seu governo e os seus homens, mas trataremos igualmente da classe política …

  • França: Presidente Macron quer  reformar a França

    França: Presidente Macron quer reformar a França

    Em destaque está o novo Presidente da República francesa, Emmanuel Macron que a partir de agora assume a responsabilidade da governação do …

  • África e eleição francesa em destaque

    África e eleição francesa em destaque

    Os magazines semanais franceses puxavam para capa a eleição presidencial francesa, mas continham igualmente uma grande variedade de temas ligados ao Continente …

  1. 1
  2. 2
  3. 3
  4. ...
  5. seguinte >
  6. último >
As emissões
 
Lamentamos, mas o prazo para estabelecer a ligação em causa foi ultrapassado.