Ouvir Carregar Podcast
  • 16h00 - 16h06 TMG
    Noticiário 17/09 16h00 GMT
  • 16h00 - 16h10 TMG
    Noticiário 20/09 16h00 GMT
  • 16h06 - 16h30 TMG
    Segunda parte da emissão 17/09 16h06 GMT
  • 16h10 - 16h30 TMG
    Segunda parte da emissão 20/09 16h10 GMT
  • 17h00 - 17h06 TMG
    Noticiário 17/09 17h00 GMT
  • 17h00 - 17h10 TMG
    Noticiário 20/09 17h00 GMT
  • 17h06 - 17h30 TMG
    Segunda parte da emissão 17/09 17h06 GMT
  • 17h10 - 17h30 TMG
    Segunda parte da emissão 20/09 17h10 GMT
  • 18h00 - 18h06 TMG
    Noticiário 17/09 18h00 GMT
  • 18h00 - 18h10 TMG
    Noticiário 20/09 18h00 GMT
  • 18h06 - 18h30 TMG
    Segunda parte da emissão 17/09 18h06 GMT
  • 18h10 - 18h30 TMG
    Segunda parte da emissão 20/09 18h10 GMT
  • 19h00 - 19h06 TMG
    Noticiário 17/09 19h00 GMT
  • 19h00 - 19h10 TMG
    Noticiário 20/09 19h00 GMT
  • 19h06 - 19h30 TMG
    Segunda parte da emissão 17/09 19h06 GMT
  • 19h10 - 19h30 TMG
    Segunda parte da emissão 20/09 19h10 GMT
Para aproveitar em pleno os conteúdos mutimedia, deve ter o plugin Flash instalado no seu navegador. Para estabelecer a ligação deve activar os cookies nos parâmetros do seu navegador. Para poder navegar de forma ideal o site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e + etc.
França

França:Emmanuel Macron frente aos sinistrados das Antilhas

media  
O Presidente Macron diante das casas destruídas pelo furacão Irma.Saint-Martin.12 de Setembro de 2017 REUTERS/Christophe Ena/Pool

O Presidente Emmanuel Macron, prossegue o seu périplo pelos territórios franceses das Caraíbas , onde em Saint-Martin, a passagem do furacão Irma provocou a morte de onze pessoas.Nesta última ilha,os problemas humanitários causados pela devastação do furacão criaram uma clima de tensã, devido ao sentimento de abandono exposto pelos habitantes sinistrados. Alguns habitantes do sector francês da ilha de Saint-Martin, aproveitaram a presença do Chefe de Estado para exprimir a sua decepção e descontentamento para com as autoridades.

Na âmbito da sua deslocação aos territórios caraíbas franceses devastados pelo furacão Irma, o Presidente Emmanuel Macron esteve na ilha de Saint Martin, onde se avistou com os habitantes sinistrados e constatou os danos causados.

No sector francês do citado território, partilhado com a Holanda, as consequências humanitárias decorrentes do fenómeno climático e o sentimento de abandono que prevalece no seio da população, levou alguns dos seus habitantes a exprimir o seu descontentamento ao Presidente Macron, como uma residente do bairro Grand-Case.

Sinceramente,eu tenho a impressão senhor, e não o chamarei de Senhor Presidente porque não consigo, para mim de fora, e não sou talvez a única pessoa, para mim você vive numa redoma de vidro, da qual sai de vez em quando, eu tinha que dizer-lhe isso nos olhos. Sinceramente. Sinceramente.(habitante da  Grand-Case).

"Pois bem, estou aqui também para isso!"(Emmanuel Macron)

O Chefe de Estado francês encontra-se agora na Ilha de Saint-  Barthélémy,também severamente danificada pelo furacão Irma, onde com os dirigentes locais e a administração vai avaliar as necessidades em matéria de reconstrução.

Na ilha de 900.000 habitantes, Emmanuel Macron reuniu-se nomeadamente com os responsáveis pelo centro técnico operacional, instalado no aeroporto. De acordo  com o Presidente Macron, a partir de segunda-feira próxima será disponibilizada uma ajuda financeira urgente aos sinistrados que perderam tudo, bem como aos habitantes que se encontram em situação de desemprego técnico.

 
Lamentamos, mas o prazo para estabelecer a ligação em causa foi ultrapassado.