Ouvir Carregar Podcast
  • 16h00 - 16h06 TMG
    Noticiário 11/11 16h00 GMT
  • 16h00 - 16h10 TMG
    Noticiário 13/11 16h00 GMT
  • 16h06 - 16h30 TMG
    Segunda parte da emissão 11/11 16h06 GMT
  • 16h10 - 16h30 TMG
    Segunda parte da emissão 13/11 16h10 GMT
  • 17h00 - 17h06 TMG
    Noticiário 11/11 17h00 GMT
  • 17h00 - 17h10 TMG
    Noticiário 13/11 17h00 GMT
  • 17h06 - 17h30 TMG
    Segunda parte da emissão 11/11 17h06 GMT
  • 17h10 - 17h30 TMG
    Segunda parte da emissão 13/11 17h10 GMT
  • 18h00 - 18h06 TMG
    Noticiário 11/11 18h00 GMT
  • 18h00 - 18h10 TMG
    Noticiário 13/11 18h00 GMT
  • 18h06 - 18h30 TMG
    Segunda parte da emissão 11/11 18h06 GMT
  • 18h10 - 18h30 TMG
    Segunda parte da emissão 13/11 18h10 GMT
  • 19h00 - 19h06 TMG
    Noticiário 11/11 19h00 GMT
  • 19h00 - 19h10 TMG
    Noticiário 13/11 19h00 GMT
  • 19h06 - 19h30 TMG
    Segunda parte da emissão 11/11 19h06 GMT
  • 19h10 - 19h30 TMG
    Segunda parte da emissão 13/11 19h10 GMT
Para aproveitar em pleno os conteúdos mutimedia, deve ter o plugin Flash instalado no seu navegador. Para estabelecer a ligação deve activar os cookies nos parâmetros do seu navegador. Para poder navegar de forma ideal o site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e + etc.

"Livro(s) do Desassossego" chega a França

 
Marie-Hélène Piwnik tradutora e membro da Academia das Ciências de Lisboa e Academia portuguesa da História RFI

A reedição do Livro do desassossego acaba de ser publicada em francês pela mão da editora da Christian Bourgois

Segundo a catedrática de Literatura Teresa Rita Lopes “não há apenas um Livro do Desassossego, mas três Livros do Desassossego, que dão voz e palavras a três autores distintos: o jovem artista Vicente Guedes, decadente “dandy” e “blasé”; o frio Barão de Teive, dono de uma surpreendente austeridade de pensamento e de linguagem, e Bernardo Soares que, apesar de ser um simples ajudante de guarda-livros da baixa lisboeta, se tornou o semi-heterónimo pessoano mais conhecido e reconhecido, desde que se manifestou pela primeira vez, em 1929”.

Em Paris, encontramo-nos a tradutora francesa Marie-Hélène Piwnik que nos contou como foi traduzir Fernando Pessoa.


Sobre o mesmo assunto

  • Artes

    Cabo Verde: Filinto Elísio "Sou um Poeta radical e livre"

    Saber mais

  • Cabo Verde

    Termina hoje Festival de Literatura Mundo na ilha do Sal

    Saber mais

  • Convidado

    II Colectânea de Poesia Lusófona em Paris

    Saber mais

  • LITERATURA

    Philip Roth: morte de um génio da literatura

    Saber mais

  • “Diário de resistência” de Daniel Blaufuks em Paris

    “Diário de resistência” de Daniel Blaufuks em Paris

    O fotógrafo português Daniel Blaufuks vai estar representado no Paris Photo, mas é no Museu Eugène Delacroix que ele se expõe num …

  • Basquiat: entre a vida e a morte

    Basquiat: entre a vida e a morte

    O jovem com tranças esculturais nova-iorquino invade todos os pisos da Fundação Louis Vuitton. Esta proliferação figurativa de Jean-Michel …

  • Hypersex de Moullinex levou Paris ao rubro !

    Hypersex de Moullinex levou Paris ao rubro !

    Nesta edição do magazine ARTES, falamos hoje dum artista português, que acaba de alcançar um estrondoso sucesso em Paris, na prestigiosa sala …

  • "Os contos cruéis de Paula Rego" em Paris

    O Musée de l’Orangerie, em Paris, acolhe, a partir desta quarta-feira, a exposição "Os contos cruéis de Paula Rego" que junta …

  • Rodrigo Leão levou a saudade até Paris

    Rodrigo Leão levou a saudade até Paris

    A comemorar 25 anos de carreira em nome próprio, Rodrigo Leão levou “a melancolia e a saudade” à  La Seine Musicale, em Paris, esta …

  • Chafes e Giacometti “entre o céu e a terra” em Paris

    Chafes e Giacometti “entre o céu e a terra” em Paris

    A exposição “Gris, Vide, Cris” junta esculturas de Rui Chafes e Alberto Giacometti, dois universos aparentemente opostos que se unem na busca …

  • "Dentro da Chuva" chega a Angola

    "Dentro da Chuva" é o mais recente álbum da cantora, guitarrista e compositora angolana, Aline Frazão. Em 11 faixas somos convidados a …

  1. 1
  2. 2
  3. 3
  4. ...
  5. seguinte >
  6. último >
As emissões
 
Lamentamos, mas o prazo para estabelecer a ligação em causa foi ultrapassado.