Ouvir Carregar Podcast
  • 16h00 - 16h06 TMG
    Noticiário 16/12 16h00 GMT
  • 16h00 - 16h10 TMG
    Noticiário 14/12 16h00 GMT
  • 16h06 - 16h30 TMG
    Segunda parte da emissão 16/12 16h06 GMT
  • 16h10 - 16h30 TMG
    Segunda parte da emissão 14/12 16h10 GMT
  • 17h00 - 17h06 TMG
    Noticiário 16/12 17h00 GMT
  • 17h00 - 17h10 TMG
    Noticiário 14/12 17h00 GMT
  • 17h06 - 17h30 TMG
    Segunda parte da emissão 15/12 17h06 GMT
  • 17h10 - 17h30 TMG
    Segunda parte da emissão 14/12 17h10 GMT
  • 18h00 - 18h06 TMG
    Noticiário 15/12 18h00 GMT
  • 18h00 - 18h10 TMG
    Noticiário 14/12 18h00 GMT
  • 18h06 - 18h30 TMG
    Segunda parte da emissão 16/12 18h06 GMT
  • 18h10 - 18h30 TMG
    Segunda parte da emissão 14/12 18h10 GMT
  • 19h00 - 19h06 TMG
    Noticiário 16/12 19h00 GMT
  • 19h00 - 19h10 TMG
    Noticiário 14/12 19h00 GMT
  • 19h06 - 19h30 TMG
    Segunda parte da emissão 16/12 19h06 GMT
  • 19h10 - 19h30 TMG
    Segunda parte da emissão 14/12 19h10 GMT
Para aproveitar em pleno os conteúdos mutimedia, deve ter o plugin Flash instalado no seu navegador. Para estabelecer a ligação deve activar os cookies nos parâmetros do seu navegador. Para poder navegar de forma ideal o site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e + etc.

Argentina discute lei sobre o aborto

Argentina discute lei sobre o aborto
 
Revista de Imprensa francesa. RFI/Marco Martins

Os jornais desta quarta-feira dão sobretudo destaque à lei do aborto na Argentina. No diário católico "La Croix", o título é "O aborto divide os Argentinos". O Senado argentino vai pronunciar-se hoje sobre um projecto de legalização do aborto no país. Uma lei que está a mobilizar a opinião pública bem como o Papa Francisco.

Actualmente a lei proibe o aborto e apenas em dois casos tal é possível, se a saúde da mãe está em risco, e se a gravidez é o resultado de uma violação. Por isso o assunto é dos mais sensíveis nestas últimas semanas, entre prós e contras no país de origem do Papa Francisco. De notar que a lei permitiria obter um aborto gratuito.

Nos jornais outros assuntos estão também em destaque.

No jornal "Le Figaro", temos Simone Gbagbo com o título: "Simone Gbagbo, a dama de ferro marfinense, amnistiada". No vespertino "Le Monde", o foco está virado para o Zimbabué com o título: "Depois da eleição, é o momento dos castigos". Tanto no diário popular "Le Parisien", como no jornal desportivo "L'Équipe", um dos destaques é a vitória de Morhad Amdouni nos 10 mil metros do Campeonato da Europa de Atletismo.

E chegamos assim ao fim desta revista de imprensa francesa.


Sobre o mesmo assunto

  • Revista de Imprensa

    União Europeia reage a sanções europeias

    Saber mais

  • Revista de Imprensa

    Irão frente a sanções americanas

    Saber mais

  • Revista de Imprensa

    Mali e Zimbabué contestam resultados eleitorais

    Saber mais

  • Revista de Imprensa

    Zimbabué : violência pós-eleitoral

    Saber mais

  • Revista de Imprensa

    França: rescaldo de moções de censura

    Saber mais

  • Revista de Imprensa

    França:Emmanuel Macron visado por moções de censura

    Saber mais

  1. 1
  2. 2
  3. 3
  4. ...
  5. seguinte >
  6. último >
As emissões
 
Lamentamos, mas o prazo para estabelecer a ligação em causa foi ultrapassado.