Ouvir Carregar Podcast
  • 16h00 - 16h10 TMG
    Noticiário 19/04 16h00 GMT
  • 16h00 - 16h06 TMG
    Noticiário 21/04 16h00 GMT
  • 16h06 - 16h30 TMG
    Segunda parte da emissão 21/04 16h06 GMT
  • 16h10 - 16h30 TMG
    Segunda parte da emissão 19/04 16h10 GMT
  • 17h00 - 17h10 TMG
    Noticiário 19/04 17h00 GMT
  • 17h00 - 17h06 TMG
    Noticiário 21/04 17h00 GMT
  • 17h06 - 17h30 TMG
    Segunda parte da emissão 21/04 17h06 GMT
  • 17h10 - 17h30 TMG
    Segunda parte da emissão 19/04 17h10 GMT
  • 18h00 - 18h10 TMG
    Noticiário 19/04 18h00 GMT
  • 18h00 - 18h06 TMG
    Noticiário 21/04 18h00 GMT
  • 18h06 - 18h30 TMG
    Segunda parte da emissão 21/04 18h06 GMT
  • 18h10 - 18h30 TMG
    Segunda parte da emissão 19/04 18h10 GMT
  • 19h00 - 19h10 TMG
    Noticiário 19/04 19h00 GMT
  • 19h00 - 19h06 TMG
    Noticiário 21/04 19h00 GMT
  • 19h06 - 19h30 TMG
    Segunda parte da emissão 21/04 19h06 GMT
  • 19h10 - 19h30 TMG
    Segunda parte da emissão 19/04 19h10 GMT
Para aproveitar em pleno os conteúdos mutimedia, deve ter o plugin Flash instalado no seu navegador. Para estabelecer a ligação deve activar os cookies nos parâmetros do seu navegador. Para poder navegar de forma ideal o site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e + etc.

60 anos da Vª República francesa festejada na crise

60 anos da Vª República francesa festejada na crise
 
Primeiras páginas dos jornais franceses de 4 de outubro de 2018 RFI

As primeiras páginas dos jornais franceses apresentam-se diversificadas tanto a nível nacional como internacional.

LE MONDE, titula, Macron: que remodelação para sair da crise? Eliseu tenta minimizar a demissão do minstro do Interior, com o Presidente a dizer que nada do que se passa se parece com uma crise política. Porém, nos bastidores o executivo multiplica contactos e o primeiro-ministro defende uma larga remodelação do governo, nota LE MONDE.

Desfaz-se o primeiro nó da corda, que é o Presidente, replica, L’HUMANITÉ. Escândalo Benalla, demissões em catadupa, impopularidade… A mão macroniana sobre o poder revela uma crise de regime, acrescenta L’HUMANITÉ.

Por seu lado, LIBÉRATION, titula, demissão de Collomb, o feudo mais que chefe. A decisão do ministro de regressar à sua cidade de Lyon reflecte uma nova preferência política pela província em relação ao poder central.

Mal-estar na Macronia, titula, 20 MINUTES. A agenda ficou estilhaçada, a sucessão complicada e a demissão de Gérard Collomb representa um duro golpe para o sistema Macron.

Por seu lado, LE FIGARO, faz o seu principal título com Quinta República festeja os seus 60 anos na dúvida. Os franceses já não plebiscitam mais o regime instaurado em 1958 por de Gaulle. São apenas 44% que ainda se sentem ligados à V República, segundo uma sondagem Odoxa para LE FIGARO e Fance Info.

O presidente Macron, aproveita este aniversário para visitar a campa do general de Gaulle e discursa no Tribunal constitucional, sobre a sua reforma institucional que quer ver debatida em janeiro na Assembleia, acrescenta LE FIGARO.

LA CROIX, prefere titular sobre Igreja, o dever de verdade, com uma entrevista exclusiva do presidente da conferência episcopal, Monsenhor Georges Pontier, a afirmar uma profunda vontade de clarificar os abusos sexuais de padres, bispos e todos religiosos do mundo católico.

Na actualidade internacional, LE MONDE, dá relevo aos Estados Unidos e Donald Trump, que aos 8 anos já era milionário, com base em estratagemas de evasão fiscal num sistema montado pelo pai Fred, para ajudar os filhos.

LE MONDE, cita um artigo do New York Times, afirmando que Trump, não é o self-made man, o homem de negócios que se fez sozinho, mas um herdeiro, que desde os seus 3 anos, via entrar na sua conta bancária, 200 mil dólares todos os anos, depositados pelo pai.

Também LIBÉRATION, retoma a notícia, escrevendo que Donald Trump, é rico porque filho de papá, tendo recebido 400 milhões de dólares ao longo da sua vida pelos pais, parte do dinheiro proveniente de fuga ao fisco.

Por seu lado, LE FIGARO, destaca, Theresa May que quer reencantar Brexit. No seu discurso de encerramento do congresso do Partido conservador, ela até dançou na tentativa de unir o seu partido.

O seu discurso de Birmingham era muito esperado para retomar as coisas em mãos, tendo em conta os ataques da véspera de Boris Johnson à sua visão do Brexit. E parece que, May, conseguiu, pelo menos que o seu discurso fosse bem recebido pelos congressistas, nota LE FIGARO.

É o mesmo jornal, que ainda, se refere ao Brasil, a 3 dias das presidenciais, com os mercados apostando no populista Bolsonaro. Frente ao delfim de Lula, o programa liberal do candidato da extrema direita seduz os investidores, acrescenta LE FIGARO.

Em relação à África, os franceses regressam à Tunísia para sua férias. Após anos negros por causa dos atentados de Tunes e Susse, o turismo tunisino ganha dinamismo. Este ano, houve 569 mil franceses passaram as suas férias na Tunísia, ocupando o terceiro lugar na classificação dos turistas que visitam as praias e hotéis tunisinos, atrás dos argelinos e líbios, cidadãos de países limítrofes, nota, Le FIGARO.

Enfim, L’ÉQUIPE, destaca a goleada de 6/1 do PSG frente à estrela vermelha de Belgrado, a contar para a Liga dos campeões.


Sobre o mesmo assunto

  • Revista de Imprensa

    Ministro do Interior impõe demissão ao presidente Macron

    Saber mais

  • Revista de Imprensa

    "O mais difícil está ainda por fazer"

    Saber mais

  • Revista de Imprensa

    Luta intensa entre Macron e Trump na ONU

    Saber mais

  1. 1
  2. 2
  3. 3
  4. ...
  5. seguinte >
  6. último >
As emissões
 
Lamentamos, mas o prazo para estabelecer a ligação em causa foi ultrapassado.