Ouvir Carregar Podcast
  • 16h00 - 16h10 TMG
    Noticiário 15/10 16h00 GMT
  • 16h00 - 16h06 TMG
    Noticiário 13/10 16h00 GMT
  • 16h06 - 16h30 TMG
    Segunda parte da emissão 13/10 16h06 GMT
  • 16h10 - 16h30 TMG
    Segunda parte da emissão 15/10 16h10 GMT
  • 17h00 - 17h10 TMG
    Noticiário 15/10 17h00 GMT
  • 17h00 - 17h06 TMG
    Noticiário 13/10 17h00 GMT
  • 17h06 - 17h30 TMG
    Segunda parte da emissão 13/10 17h06 GMT
  • 17h10 - 17h30 TMG
    Segunda parte da emissão 15/10 17h10 GMT
  • 18h00 - 18h10 TMG
    Noticiário 15/10 18h00 GMT
  • 18h00 - 18h06 TMG
    Noticiário 13/10 18h00 GMT
  • 18h06 - 18h30 TMG
    Segunda parte da emissão 13/10 18h06 GMT
  • 18h10 - 18h30 TMG
    Segunda parte da emissão 15/10 18h10 GMT
  • 19h00 - 19h10 TMG
    Noticiário 15/10 19h00 GMT
  • 19h00 - 19h06 TMG
    Noticiário 13/10 19h00 GMT
  • 19h06 - 19h30 TMG
    Segunda parte da emissão 13/10 19h06 GMT
  • 19h10 - 19h30 TMG
    Segunda parte da emissão 15/10 19h10 GMT
Para aproveitar em pleno os conteúdos mutimedia, deve ter o plugin Flash instalado no seu navegador. Para estabelecer a ligação deve activar os cookies nos parâmetros do seu navegador. Para poder navegar de forma ideal o site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e + etc.
Artigo

Libération se interessa pelos brasileiros sem religião

media A presidente Dilma Rousseff deu as boas vindas ao papa Francisco nesta segunda-feira 22 de julho de 2013 REUTERS/Pilar Olivares

O jornal progressista Libération dedica duas páginas de reportagem sobre a visita do papa ao Brasil e nota que, na contramão do espírito da Jornada Mundial da Juventude e das igrejas evangélicas, os brasileiros sem religião são cada vez mais numerosos no país.

O jornal progressista encontrou em São Paulo brasileiros que afirmam não ter religião. "Eles seriam em torno de 8% da população, 15 milhões de pessoas, um fenômeno que representa um desafio para o Vaticano nesses tempos de declínio da fé católica", avalia o Libération. O diário afirma que a ausência de religiosidade está presente principalmente entre os jovens. Muitos nasceram em famílias católicas, até foram batizados, mas não praticam a religião. Outros se converteram às igrejas evangélicas, mas abandonaram a prática pela obrigatoriedade de pagar o dízimo.

Segundo o Libération, os jovens brasileiros que não têm religião veem tanto os evangélicos quanto os católicos fervorosos de forma caricatural ("psicorígidos", no caso dos católicos; "interessados no dinheiro", no caso dos evangélicos).

O sociólogo Paul Freston, ouvido na reportagem, afirma que a perda de interesse pela Igreja Católica é a expressão de uma crise generalizada de credibilidade nas instituições.

O Aujourd'hui en France também destaca em primeira página a chegada do papa ao Rio de Janeiro, dizendo que os brasileiros estão divididos. Por um lado, orgulhosos de recepcionar a Jornada Mundial da Juventude, mas também mobilizados nos protestos contra os custos dessa visita, as desigualdades sociais e a corrupção política.

O Aujourd'hui en France procurou ouvir os católicos franceses que estão participando do encontro e eles relatam o fervor dos brasileiros durante as missas. Marie, uma estudante de enfermagem, conta que os brasileiros nao têm complexo, expõem sua fé de forma aberta. A francesa está impressionada com o fato de as igrejas cariocas ficarem lotadas nos horários de culto.
 

 
Lamentamos, mas o prazo para estabelecer a ligação em causa foi ultrapassado.