Ouvir Carregar Podcast
  • 16h00 - 16h10 TMG
    Noticiário 19/04 16h00 GMT
  • 16h00 - 16h06 TMG
    Noticiário 21/04 16h00 GMT
  • 16h06 - 16h30 TMG
    Segunda parte da emissão 21/04 16h06 GMT
  • 16h10 - 16h30 TMG
    Segunda parte da emissão 19/04 16h10 GMT
  • 17h00 - 17h10 TMG
    Noticiário 19/04 17h00 GMT
  • 17h00 - 17h06 TMG
    Noticiário 21/04 17h00 GMT
  • 17h06 - 17h30 TMG
    Segunda parte da emissão 21/04 17h06 GMT
  • 17h10 - 17h30 TMG
    Segunda parte da emissão 19/04 17h10 GMT
  • 18h00 - 18h10 TMG
    Noticiário 19/04 18h00 GMT
  • 18h00 - 18h06 TMG
    Noticiário 21/04 18h00 GMT
  • 18h06 - 18h30 TMG
    Segunda parte da emissão 21/04 18h06 GMT
  • 18h10 - 18h30 TMG
    Segunda parte da emissão 19/04 18h10 GMT
  • 19h00 - 19h10 TMG
    Noticiário 19/04 19h00 GMT
  • 19h00 - 19h06 TMG
    Noticiário 21/04 19h00 GMT
  • 19h06 - 19h30 TMG
    Segunda parte da emissão 21/04 19h06 GMT
  • 19h10 - 19h30 TMG
    Segunda parte da emissão 19/04 19h10 GMT
Para aproveitar em pleno os conteúdos mutimedia, deve ter o plugin Flash instalado no seu navegador. Para estabelecer a ligação deve activar os cookies nos parâmetros do seu navegador. Para poder navegar de forma ideal o site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e + etc.

Bitcoin, a criptomoeda do momento

Bitcoin, a criptomoeda do momento
 
O Bitcoin, criado em 2008 para ser utilizado para fins transaccionais na Internet, tornou-se num verdadeiro bem de investimento, nos últimos tempos: de Janeiro deste ano até agora, o Bitcoin valorizou 1250%. ROSLAN RAHMAN / AFP

No nosso magazine de "Economias" desta sexta-feira falamos acerca do Bitcoin. A criptomoeda, criada em 2008 para ser utilizada para fins transaccionais na Internet, tornou-se num verdadeiro bem de investimento nos últimos tempos: de Janeiro deste ano até agora, o Bitcoin valorizou 1250%. O sucesso é tal que, hoje em dia, são vários os Governos que também querem investir nas criptomoedas, como é o caso da Venezuela, onde o Presidente Nicolás Maduro criou o "petro" para fugir às sanções internacionais. João Vieira dos Santos, advogado português especializado em finanças, explica-nos um pouco mais acerca do fenómeno. 
 


Sobre o mesmo assunto

  • Economias

    "Quarta operadora vai tornar mercado mais competitivo"

    Saber mais

  • Economias

    Acesso à energia é condição de desenvolvimento dos P.M.A.

    Saber mais

  • Economias

    "Burocracia pode ter provocado a queda de Isabel dos Santos"

    Saber mais

  • Economias

    João Lourenço vai “até onde lhe for permitido” em Cabinda

    Saber mais

  • Notre-Dame: “Mil milhões de euros é mais que suficiente”

    Notre-Dame: “Mil milhões de euros é mais que suficiente”

    Quase mil milhões de euros em donativos em apenas dois dias para salvar a Catedral de Notre-Dame. As imagens deste símbolo de Paris a arder levaram os multimilionários …

  • Angola: população triplica em 15 anos

    Angola: população triplica em 15 anos

    Em 50 anos Angola registou um aumento populacional de 331%. Nos últimos 15 anos a população angolana quase que triplicou. Os dados são do relatório anual sobre o Estado …

  • Cabo Verde: Mais investimento, mais emprego

    Cabo Verde: Mais investimento, mais emprego

    Uma missão do Fundo Monetário Internacional esteve recentemente em Cabo Verde para avaliar a performance económica do país. O FMI elogiou a privatização da companhia …

  • Comércio livre será a solução para o desenvolvimento africano?

    Comércio livre será a solução para o desenvolvimento africano?

    No Magazine Economias o destaque vai para as dificuldades em ser implementada a zona de comércio livre em Áfica.No "Africa CEO Forum" que decorreu esta semana em Kigali, …

  • Idai abranda crescimento de Moçambique

    Idai abranda crescimento de Moçambique

    A passagem do ciclone Idai deixou um rasto de destruição na cidade da Beira, em Moçambique. De acordo com as autoridades centenas de pessoas perderam a vida e cerca de …

  • Guiné-Bissau: que economia o futuro governo vai encontrar?

    Guiné-Bissau: que economia o futuro governo vai encontrar?

    Ao cabo de anos de instabilidade quase crónica, a Guiné-Bissau pretende virar a página mas continua a enfrentar vários desafios a nível económico. Exemplo disso, um acesso …

  • A horta e o bestiário de Bordallo Pinheiro em Paris

    A horta e o bestiário de Bordallo Pinheiro em Paris

    Couves, tomates, abóboras, sardinhas, sardões, sapos e andorinhas. Vegetais e bichos transformados em travessas, jarros, bilhas ou pratos de cores vivas e brilhantes. …

  1. 1
  2. 2
  3. 3
  4. ...
  5. seguinte >
  6. último >
As emissões
 
Lamentamos, mas o prazo para estabelecer a ligação em causa foi ultrapassado.