Ouvir Carregar Podcast
  • 16h00 - 16h06 TMG
    Noticiário 23/04 16h00 GMT
  • 16h00 - 16h10 TMG
    Noticiário 26/04 16h00 GMT
  • 16h06 - 16h30 TMG
    Segunda parte da emissão 23/04 16h06 GMT
  • 16h10 - 16h30 TMG
    Segunda parte da emissão 26/04 16h10 GMT
  • 17h00 - 17h06 TMG
    Noticiário 23/04 17h00 GMT
  • 17h00 - 17h10 TMG
    Noticiário 26/04 17h00 GMT
  • 17h06 - 17h30 TMG
    Segunda parte da emissão 23/04 17h06 GMT
  • 17h10 - 17h30 TMG
    Segunda parte da emissão 26/04 17h10 GMT
  • 18h00 - 18h06 TMG
    Noticiário 23/04 18h00 GMT
  • 18h00 - 18h10 TMG
    Noticiário 26/04 18h00 GMT
  • 18h06 - 18h30 TMG
    Segunda parte da emissão 23/04 18h06 GMT
  • 18h10 - 18h30 TMG
    Segunda parte da emissão 26/04 18h10 GMT
  • 19h00 - 19h06 TMG
    Noticiário 23/04 19h00 GMT
  • 19h00 - 19h10 TMG
    Noticiário 26/04 19h00 GMT
  • 19h06 - 19h30 TMG
    Segunda parte da emissão 23/04 19h06 GMT
  • 19h10 - 19h30 TMG
    Segunda parte da emissão 26/04 19h10 GMT
Para aproveitar em pleno os conteúdos mutimedia, deve ter o plugin Flash instalado no seu navegador. Para estabelecer a ligação deve activar os cookies nos parâmetros do seu navegador. Para poder navegar de forma ideal o site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e + etc.
Guiné-Bissau

Guiné-Bissau: Encerrou périplo africano do primeiro-ministro

media Baciro Djá, primeiro-ministro guineense Facebook de Baciro Djá

O primeiro-ministro guineense, Baciro Djá, regressou na quinta-feira a Bissau após um périplo africano que o levou ao Burkina Faso, Costa do Marfim, Togo e Senegal. A visita teve sobretudo uma componente financeira numa altura em que vários parceiros congelaram os financiamentos ao país.

Em Junho o responsável pela missão do FMI no país anunciara às autoridades guineenses que os parceiros internacionais não estavam disponíveis para entregar os apoios prometidos a Bissau.

O primeiro-ministro, Baciro Djá, admitiu que a situação financeira do país é grave, mas alegou contar com a solidariedade dos países vizinhos, nomeadamente da CEDEAO, Comunidade económica dos Estados da África ocidental, para enfrentar estes constrangimentos.

O chefe do executivo fez-se acompanhar por uma série de ministros, incluindo Henrique Horta dos Santos, ministro das finanças.

Em declarações em Dacar a Cândido Camará ele fez um balanço satisfatório destas deslocações na região que viabilizaram, mesmo, contactos com o BCEAO, Banco central dos Estados da África ocidental.

 

Henrique Horta dos Santos, ministro guineense das finanças 15/07/2016 ouvir

Sobre o mesmo assunto
 
Lamentamos, mas o prazo para estabelecer a ligação em causa foi ultrapassado.