Ouvir Carregar Podcast
  • 16h00 - 16h10 TMG
    Noticiário 19/07 16h00 GMT
  • 16h00 - 16h06 TMG
    Noticiário 14/07 16h00 GMT
  • 16h06 - 16h30 TMG
    Segunda parte da emissão 14/07 16h06 GMT
  • 16h10 - 16h30 TMG
    Segunda parte da emissão 19/07 16h10 GMT
  • 17h00 - 17h10 TMG
    Noticiário 19/07 17h00 GMT
  • 17h00 - 17h06 TMG
    Noticiário 14/07 17h00 GMT
  • 17h06 - 17h30 TMG
    Segunda parte da emissão 14/07 17h06 GMT
  • 17h10 - 17h30 TMG
    Segunda parte da emissão 19/07 17h10 GMT
  • 18h00 - 18h10 TMG
    Noticiário 19/07 18h00 GMT
  • 18h00 - 18h06 TMG
    Noticiário 14/07 18h00 GMT
  • 18h06 - 18h30 TMG
    Segunda parte da emissão 14/07 18h06 GMT
  • 18h10 - 18h30 TMG
    Segunda parte da emissão 19/07 18h10 GMT
  • 19h00 - 19h10 TMG
    Noticiário 19/07 19h00 GMT
  • 19h00 - 19h06 TMG
    Noticiário 14/07 19h00 GMT
  • 19h06 - 19h30 TMG
    Segunda parte da emissão 14/07 19h06 GMT
  • 19h10 - 19h30 TMG
    Segunda parte da emissão 19/07 19h10 GMT
Para aproveitar em pleno os conteúdos mutimedia, deve ter o plugin Flash instalado no seu navegador. Para estabelecer a ligação deve activar os cookies nos parâmetros do seu navegador. Para poder navegar de forma ideal o site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e + etc.
Urgente
Argélia venceu CAN 2019
Guiné-Bissau

Presidente guineense recusa DSP para primeiro-ministro

media Domingos Simões Pereira, presidente do PAIGC. facebook.com/dsimoespereira.paigc

O Presidente da Guiné-Bissau recusa o nome de Domingos Simões Pereira, presidente do PAIGC, para o cargo de primeiro-ministro. A renúncia foi comunicada por carta enviada pelo chefe de Estado guineense a Domingos Simões Pereira

 

Na missiva, o Presidente da Guiné-Bissau diz declinar a proposta do PAIGC "fazendo jus aos poderes constitucionais", que lhe são reservados.

No entanto, José Mário Vaz não especifica quais os poderes que refere.

Solicita apenas, ao PAIGC, o partido mais votado nas eleições legislativas de 10 de março, que indique um nome alternativo para chefiar o governo guineense.

Em declarações à agência Lusa, Domingos Simões Pereira disse ter recebido duas cartas do Presidente da Guiné-Bissau: uma recusando a indicação do seu nome, outra pedindo ao PAIGC para indicar outra pessoa.

Recorde-se que, apesar de as eleições legislativas se terem realizado em março, apenas na sexta-feira passada o Presidente José Mário Vaz começou a ouvir os partidos para a indigitação do primeiro-ministro.

No entanto, José Mário Vaz marcou já as eleições presidenciais para 24 de novembro.

O presidente guineense justifica o atraso na indigitação do primeiro-ministro com o impasse político que se verifica no parlamento guineense para a eleição da mesa da Assembleia Nacional Popular.

Segundo o artigo 68 (alínea g) da Constituição da República da Guiné-Bissau, são atribuições do chefe de Estado "nomear e exonerar o primeino-ministro, tendo em conta os resultados eleitorais e ouvidas as forças políticas representadas na Assembleia Nacional Popular".

Mais pormenores com Aliu Candé.

Correspondência de Aliu Candé em serviço especial para a RFI 19/06/2019 ouvir
Sobre o mesmo assunto
 
Lamentamos, mas o prazo para estabelecer a ligação em causa foi ultrapassado.