Ouvir Carregar Podcast
  • 16h00 - 16h06 TMG
    Noticiário 21/10 16h00 GMT
  • 16h00 - 16h10 TMG
    Noticiário 20/10 16h00 GMT
  • 16h06 - 16h30 TMG
    Segunda parte da emissão 21/10 16h06 GMT
  • 16h10 - 16h30 TMG
    Segunda parte da emissão 20/10 16h10 GMT
  • 17h00 - 17h06 TMG
    Noticiário 21/10 17h00 GMT
  • 17h00 - 17h10 TMG
    Noticiário 20/10 17h00 GMT
  • 17h06 - 17h30 TMG
    Segunda parte da emissão 21/10 17h06 GMT
  • 17h10 - 17h30 TMG
    Segunda parte da emissão 20/10 17h10 GMT
  • 18h00 - 18h06 TMG
    Noticiário 21/10 18h00 GMT
  • 18h00 - 18h10 TMG
    Noticiário 20/10 18h00 GMT
  • 18h06 - 18h30 TMG
    Segunda parte da emissão 21/10 18h06 GMT
  • 18h10 - 18h30 TMG
    Segunda parte da emissão 20/10 18h10 GMT
  • 19h00 - 19h06 TMG
    Noticiário 21/10 19h00 GMT
  • 19h00 - 19h10 TMG
    Noticiário 20/10 19h00 GMT
  • 19h06 - 19h30 TMG
    Segunda parte da emissão 21/10 19h06 GMT
  • 19h10 - 19h30 TMG
    Segunda parte da emissão 20/10 19h10 GMT
Para aproveitar em pleno os conteúdos mutimedia, deve ter o plugin Flash instalado no seu navegador. Para estabelecer a ligação deve activar os cookies nos parâmetros do seu navegador. Para poder navegar de forma ideal o site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e + etc.

As consequências do default moçambicano

As consequências do default moçambicano
 
DR

A economia moçambicana atravessa momentos complicados com o Governo a confirmar, dois dias antes da data prevista, o não pagamento da prestação de Janeiro, de cerca de 60 milhões de dólares, relativos aos títulos da divida soberana com maturidade em 2023, entrando assim em incumprimento financeiro, default.

O pagamento deveria ter sido efectuado a 18 de Janeiro, mesmo assim o Estado moçambicano tem ainda 15 após o prazo para o fazer, ou seja, o período de tolerância termina a 1 de Fevereiro.

Moçambique justifica com condições ligadas à insustentabilidade da dívida, os credores consideram o incumprimento de “estratégico” e garantem que vai prejudicar o progresso das negociações em torno da dívida.

 


Sobre o mesmo assunto

  • Guiné-Bissau

    Guiné-Bissau, “Estado falhado” entre os mais corruptos do mundo

    Saber mais

  • Moçambique

    Moçambique: de eldorado a default

    Saber mais

  • Moçambique

    "Gangsterismo financeiro em Moçambique"

    Saber mais

  • Moçambique

    Empresa Kroll vai fazer auditoria à dívida pública de Moçambique

    Saber mais

  • A Economia portuguesa tem uma saúde invejável

    A Economia portuguesa tem uma saúde invejável

    A economia portuguesa encontra-se neste momento numa situação quase invejável, com um crescimento na ordem dos 2 ou 3% ao ano, depois de ter atravessado …

  • Primeira greve-geral da Sonil da Sonangol

    Primeira greve-geral da Sonil da Sonangol

    Na próxima segunda-feira, 16 de Outubro, os trabalhadores da Sonils, serviço logístico da Sonangol, vão levar a cabo uma greve para reivindicar …

  • Cabo Verde pode ser muito útil à OCDE

    Cabo Verde pode ser muito útil à OCDE

    A sede da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico, em Paris, acolheu esta semana o 17.º Fórum Económico …

  • Cabo Verde promove-se em Paris

    Cabo Verde promove-se em Paris

    A economia de Cabo Verde depende do Turismo e, por isso mesmo, o país não hesita em fazer-se representar nas mais diversas feiras internacionais. Paris …

  • Angola : Desafios económicos para o futuro Presidente

    Angola : Desafios económicos para o futuro Presidente

    Angola vive, desde finais de 2014, uma profunda crise económica, financeira e cambial devido à queda do preço do barril de petróleo no mercado …

  • Moçambique e África não estão imunes ao Brexit

    Moçambique e África não estão imunes ao Brexit

    No Magazine Economias desta semana, o destaque são as consequências da saída do Reino Unido da União Europeia para Moçambique e também …

  • Brasil apresenta ligeira retoma económica

    Brasil apresenta ligeira retoma económica

    Neste magazine destaque para a retoma económica do Brasil. Embora para as agências de notação e para o Fundo Monetário Internacional …

  1. 1
  2. 2
  3. 3
  4. ...
  5. seguinte >
  6. último >
As emissões
 
Lamentamos, mas o prazo para estabelecer a ligação em causa foi ultrapassado.