Ouvir Carregar Podcast
  • 16h00 - 16h06 TMG
    Noticiário 21/01 16h00 GMT
  • 16h00 - 16h10 TMG
    Noticiário 22/01 16h00 GMT
  • 16h06 - 16h30 TMG
    Segunda parte da emissão 21/01 16h06 GMT
  • 16h10 - 16h30 TMG
    Segunda parte da emissão 22/01 16h10 GMT
  • 17h00 - 17h06 TMG
    Noticiário 21/01 17h00 GMT
  • 17h00 - 17h10 TMG
    Noticiário 22/01 17h00 GMT
  • 17h06 - 17h30 TMG
    Segunda parte da emissão 21/01 17h06 GMT
  • 17h10 - 17h30 TMG
    Segunda parte da emissão 22/01 17h10 GMT
  • 18h00 - 18h06 TMG
    Noticiário 21/01 18h00 GMT
  • 18h00 - 18h10 TMG
    Noticiário 19/01 18h00 GMT
  • 18h06 - 18h30 TMG
    Segunda parte da emissão 21/01 18h06 GMT
  • 18h10 - 18h30 TMG
    Segunda parte da emissão 19/01 18h10 GMT
  • 19h00 - 19h06 TMG
    Noticiário 21/01 19h00 GMT
  • 19h00 - 19h10 TMG
    Noticiário 19/01 19h00 GMT
  • 19h06 - 19h30 TMG
    Segunda parte da emissão 21/01 19h06 GMT
  • 19h10 - 19h30 TMG
    Segunda parte da emissão 19/01 19h10 GMT
Para aproveitar em pleno os conteúdos mutimedia, deve ter o plugin Flash instalado no seu navegador. Para estabelecer a ligação deve activar os cookies nos parâmetros do seu navegador. Para poder navegar de forma ideal o site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e + etc.

Moçambique: Estado não controla emissão de documentos de identidade

Moçambique: Estado não controla emissão de documentos de identidade
 
Semlex.com

As autoridades sul africanas alertaram para o elevado número de passaportes moçambicanos diplomáticos ou de serviço, utilizados para atravessar a fronteira comum entre estes dois países: 1500 em apenas uma semana, na sua maioria na posse de cidadãos não moçambicanos.

A empresa de direito belga SEMLEX que opera em Moçambique desde 2009, através de um contrato atribuido sem concurso público, sob a forma de parceria público privada (PPP), tem o monopólio em Moçambique da emissão de bilhetes de identidade, passaportes, vistos ou ainda documentos de residência para estrangeiros, revertendo ao Estado apenas 8% das receitas arrecadadas pela emissão.

O jornalista moçambicano de investigação Lázaro Mabunda, foi o responsàvel de um relatório publicado em 2015 pelo Centro de Integridade Pública, denunciando graves irregularidades na constituição da SEMLEX e o não respeito pelos compromissos assumidos.

Este membro do MISA Moçambique alega que a SEMLEX - expulsa da Guiné Bissau e presente também na RDC - só opera em países com "regimes falhados, entrou no país de forma irregular sob a alçada dos serviços secretos...controla não só o software como toda a base de dados dos cidadãos moçambicanos e estrangeiros residentes no país" e interroga-se mesmo se esta pode constituir um "sindicato de crime organizado".
 


Sobre o mesmo assunto

  • Moçambique

    Moçambique: Armando Guebuza tem que ser ouvido pela justiça

    Saber mais

  • Convidado

    Moçambique: "EMATUM GATE" comentado por Tomás Vieira Mário

    Saber mais

  • Convidado

    Moçambique: exigida responsabilização criminal pela dívida ocultada

    Saber mais

  • Convidado

    Armando Guebuza e comunidade internacional mandam em Moçambique

    Saber mais

  • Moçambique

    Moçambique : FMI pede esclarecimentos sobre a dívida da EMATUM

    Saber mais

  • Portugal: caso Manuel Vicente separado da Operação Fizz

    Portugal: caso Manuel Vicente separado da Operação Fizz

    Começou esta segunda-feira (22/01) em Lisboa o julgamento do caso Operação Fizz que entre os quatro arguidos envolve Manuel Vicente, que foi vice-Presidente …

  • Donald Trump: ano I

    Donald Trump: ano I

    Faz este Sábado um ano que Donald Trump foi investido como Presidente dos Estados Unidos, um ano de uma presidência feita de múltiplos choques, nomeadamente …

  • Recta final antes das intercalares de Nampula

    Recta final antes das intercalares de Nampula

    No dia 24 de Janeiro estão previstas eleições intercalares em Nampula no norte de Moçambique, na sequência do assassinato no passado …

  • Guiné-Bissau: e agora?

    Guiné-Bissau: e agora?

    Ontem, o Presidente guineense aceitou a demissão do Primeiro-Ministro Umaro Cissoko Embalo, uma decisão que coincidiu com o fim do prazo estipulado pela …

  • "Dramático declínio de liberdade" na Guiné-Bissau

    A liberdade no mundo atingiu em 2017 o pior nível em 12 anos. A conclusão é da Freedom House que hoje publicou o seu relatório anual sobre …

  • Clima volátil em São Tomé e Príncipe

    Clima volátil em São Tomé e Príncipe

    Promulgada a lei para a criação do Tribunal Constitucional, foram eleitos hoje os 5 juízes desta entidade numa sessão parlamentar movimentada …

  • A dança falada de

    A dança falada de "Act est Fabula"

    Em palco cinco bailarinos, cada um assume os seus movimentos individuais num grupo colectivo dirigido, pelo coreógrafo israelita Yuval Pick. O espectáculo …

  1. 1
  2. 2
  3. 3
  4. ...
  5. seguinte >
  6. último >
As emissões
 
Lamentamos, mas o prazo para estabelecer a ligação em causa foi ultrapassado.