Ouvir Carregar Podcast
  • 16h00 - 16h10 TMG
    Noticiário 15/10 16h00 GMT
  • 16h00 - 16h06 TMG
    Noticiário 13/10 16h00 GMT
  • 16h06 - 16h30 TMG
    Segunda parte da emissão 13/10 16h06 GMT
  • 16h10 - 16h30 TMG
    Segunda parte da emissão 15/10 16h10 GMT
  • 17h00 - 17h10 TMG
    Noticiário 15/10 17h00 GMT
  • 17h00 - 17h06 TMG
    Noticiário 13/10 17h00 GMT
  • 17h06 - 17h30 TMG
    Segunda parte da emissão 13/10 17h06 GMT
  • 17h10 - 17h30 TMG
    Segunda parte da emissão 15/10 17h10 GMT
  • 18h00 - 18h10 TMG
    Noticiário 15/10 18h00 GMT
  • 18h00 - 18h06 TMG
    Noticiário 13/10 18h00 GMT
  • 18h06 - 18h30 TMG
    Segunda parte da emissão 13/10 18h06 GMT
  • 18h10 - 18h30 TMG
    Segunda parte da emissão 15/10 18h10 GMT
  • 19h00 - 19h10 TMG
    Noticiário 15/10 19h00 GMT
  • 19h00 - 19h06 TMG
    Noticiário 13/10 19h00 GMT
  • 19h06 - 19h30 TMG
    Segunda parte da emissão 13/10 19h06 GMT
  • 19h10 - 19h30 TMG
    Segunda parte da emissão 15/10 19h10 GMT
Para aproveitar em pleno os conteúdos mutimedia, deve ter o plugin Flash instalado no seu navegador. Para estabelecer a ligação deve activar os cookies nos parâmetros do seu navegador. Para poder navegar de forma ideal o site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e + etc.
Moçambique

Nyusi lança projecto de gás natural liquefeito

media Filipe Nyusi, Presidente de Moçambique. 21 de Abril de 2016. THIERRY CHARLIER / AFP

O presidente Filipe Nyusi lançou hoje a primeira pedra para a construção do projecto de gás natural liquefeito, em Cabo Delgado, no norte de Moçambique. O consórcio liderado pela multinacional norte-americana Anadarko vai criar mais de 40 mil postos de trabalho.

 

O Chefe de Estado moçambicano lançou hoje o projecto de gás natural liquefeito, em Cabo Delgado, um consórcio liderado pela multinacional norte-americana Anadarko.

Filipe Nyusi anunciou que dos 13 milhões de toneladas, cerca de 11 já estão vendidas em contratos de médio e longo prazo. O projecto fica localizado na área onde a Anadarko e seus parceiros descobriram aproximadamente 75 triliões de pés cúbicos de gás natural recuperáveis na Área Offshore 1, bacia do Rovuma.

As projecções da Anadarko indicam que o início da exportação de gás natural deverá ocorrer nos finais de 2024 ou início de 2025.

O Presidente da República, Filipe Nyusi, disse que o país vai entrar numa nova era de desenvolvimento económico com os investimentos no sector de gás natural. De acordo com as autoridades mais de 40 mil postos de trabalho directo serão criados pelas empresas envolvidas na produção de gás natural liquefeito e este recurso vai igualmente abastecer o mercado moçambicano, além de ser exportado.

Correspondência de Orfeu Lisboa 05/08/2019 ouvir
Sobre o mesmo assunto
 
Lamentamos, mas o prazo para estabelecer a ligação em causa foi ultrapassado.