Ouvir Carregar Podcast
  • 16h00 - 16h10 TMG
    Noticiário 18/09 16h00 GMT
  • 16h00 - 16h06 TMG
    Noticiário 15/09 16h00 GMT
  • 16h06 - 16h30 TMG
    Segunda parte da emissão 15/09 16h06 GMT
  • 16h10 - 16h30 TMG
    Segunda parte da emissão 18/09 16h10 GMT
  • 17h00 - 17h10 TMG
    Noticiário 18/09 17h00 GMT
  • 17h00 - 17h06 TMG
    Noticiário 15/09 17h00 GMT
  • 17h06 - 17h30 TMG
    Segunda parte da emissão 15/09 17h06 GMT
  • 17h10 - 17h30 TMG
    Segunda parte da emissão 18/09 17h10 GMT
  • 18h00 - 18h10 TMG
    Noticiário 18/09 18h00 GMT
  • 18h00 - 18h06 TMG
    Noticiário 15/09 18h00 GMT
  • 18h06 - 18h30 TMG
    Segunda parte da emissão 15/09 18h06 GMT
  • 18h10 - 18h30 TMG
    Segunda parte da emissão 18/09 18h10 GMT
  • 19h00 - 19h10 TMG
    Noticiário 18/09 19h00 GMT
  • 19h00 - 19h06 TMG
    Noticiário 15/09 19h00 GMT
  • 19h06 - 19h30 TMG
    Segunda parte da emissão 15/09 19h06 GMT
  • 19h10 - 19h30 TMG
    Segunda parte da emissão 18/09 19h10 GMT
Para aproveitar em pleno os conteúdos mutimedia, deve ter o plugin Flash instalado no seu navegador. Para estabelecer a ligação deve activar os cookies nos parâmetros do seu navegador. Para poder navegar de forma ideal o site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e + etc.
Urgente
Morte na Arábia Saudita de Ben Ali, antigo presidente tunisino
Mundo

Cuba :hastear de bandeira cubana em Washington

media Multidão desdobra a bandeira de Cuba face à embaixada em Washington. 20 de Julho 2015 REUTERS/Gary Cameron

No âmbito da reaproximação entre os Estados Unidos e Cuba, a bandeira cubana foi hasteada nesta segunda-feira na representação diplomática de Havana em Washington, após mais de meio século.

Cinquenta e quatro anos depois, a bandeira de Cuba voltou a ser hasteada na sua embaixada de Washington, pondo termo a décadas de hostilidade entre a Havana e os Estados Unidos.

O chefe da diplomacia cubana, Bruno Rodriguez assistiu à cerimónia, durante a qual , uma multidão celebrou o  evento histórico com  vivas a Fidel e a Raul Castro, actual Presidente de Cuba.

 Os Estados Unidos e Cuba reataram a  partir  da meia-noite de segunda-feira  as suas relações diplomáticas depois de 54  anos de hostilidades marcadas pela  escolha  de  um regime comunista pelos dirigentes cubanos e  por  um  embargo económico americano  que asfixiou a  economia da república das Caraíbas.

No   dia 14 de Agosto,o secretário de Estado americano, John Kerry  deslocar-se-á Havana, ocasião em que será também hasteada a bandeira dos Estados Unidos na embaixada americana.

O chefe da diplomacia americana, será o primeiro secretário de Estado a deslocar-se à Cuba desde 1945, onde selará o maior legado em matéria  de política  estrangeira  dos dois mandatos do Presidente Barack Obama.

 A viragem histórica entre os dois países materializou-se rápidamente , quando em Dezembro de 2014, os presidentes Obama e Raul Castro decidiram normalizar as relações entre os Estados Unidos e Cuba.

 Os cubanos saudaram a mudança entre os dois paٕíses e esperam que a mesma contribuirá para aliviar a difícil situação económica do país.

  

Sobre o mesmo assunto
 
Lamentamos, mas o prazo para estabelecer a ligação em causa foi ultrapassado.