Ouvir Carregar Podcast
  • 16h00 - 16h06 TMG
    Noticiário 15/10 16h00 GMT
  • 16h00 - 16h10 TMG
    Noticiário 20/10 16h00 GMT
  • 16h06 - 16h30 TMG
    Segunda parte da emissão 15/10 16h06 GMT
  • 16h10 - 16h30 TMG
    Segunda parte da emissão 20/10 16h10 GMT
  • 17h00 - 17h06 TMG
    Noticiário 15/10 17h00 GMT
  • 17h00 - 17h10 TMG
    Noticiário 20/10 17h00 GMT
  • 17h06 - 17h30 TMG
    Segunda parte da emissão 15/10 17h06 GMT
  • 17h10 - 17h30 TMG
    Segunda parte da emissão 20/10 17h10 GMT
  • 18h00 - 18h06 TMG
    Noticiário 15/10 18h00 GMT
  • 18h00 - 18h10 TMG
    Noticiário 20/10 18h00 GMT
  • 18h06 - 18h30 TMG
    Segunda parte da emissão 15/10 18h06 GMT
  • 18h10 - 18h30 TMG
    Segunda parte da emissão 20/10 18h10 GMT
  • 19h00 - 19h06 TMG
    Noticiário 15/10 19h00 GMT
  • 19h00 - 19h10 TMG
    Noticiário 20/10 19h00 GMT
  • 19h06 - 19h30 TMG
    Segunda parte da emissão 15/10 19h06 GMT
  • 19h10 - 19h30 TMG
    Segunda parte da emissão 20/10 19h10 GMT
Para aproveitar em pleno os conteúdos mutimedia, deve ter o plugin Flash instalado no seu navegador. Para estabelecer a ligação deve activar os cookies nos parâmetros do seu navegador. Para poder navegar de forma ideal o site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e + etc.
Mundo

Donald Trump Jr. minimiza escândalo dos e-mails

media Donald Trump Jr. (à esq.) com o pai, depois do debate de Trump contra a candidata democrata, Hillary Clinton, na Universidade Hofstra, em Hempstead, New York, a 26 de Septembro de 2016. ©Mike Segar/Reuters

Em entrevista concedida à Fox News, o filho mais velho do Presidente Donald Trump minimizou a conversa tida com a advogada russa durante a campanha presidencial de 2016. Segundo ele, apenas desejava algumas informações antigas sobre a oposição, mas não conseguiu saber nada.

"Rectrospectivamente, penso que teria feito as coisas diferentemente", afirmou esta Terça - feira Donald Trump Jr. em entrevista à conhecida estação conservadora Fox News.

Segundo disse, apenas tentou saber informações antigas sobre a oposição, que a imprensa escondia. " Francamente, não deu em nada, e nem sequer me lembraria disso, se não fosse todo este barulho"

Oiça aqui as declarações de Donald Trump Jr.

Declarações de Donald Trump Jr. 12/07/2017 ouvir

Entretanto, o Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, veio defender o seu filho mais velho, nesta interminável controvérsia sobre os seus contactos com a Rússia, e aproveitou para criticar novamente a imprensa por publicar notícias falsas.

“O meu filho Donald fez um bom trabalho na noite passada", escreveu o Presidente no Twitter, em referência à entrevista que Trump Jr. concedeu na Terça-feira ao canal de televisão Fox News.

"Ele foi aberto, transparente e inocente. Esta é a maior caça às bruxas da história política. É triste!", acrescentou o Presidente.

Nesta Terça-feira, Donald Trump Jr. tornou – se o centro de um grande escândalo ao revelar e-mails que deixam claro que aceitou uma reunião com uma advogada russa em 2016, porque esperava receber informações comprometedoras sobre a adversária de seu pai na campanha eleitoral, Hillary Clinton.

De acordo com as mensagens, Donald Trump Jr. tinha sido informado por um intermediário britânico que poderia obter "informações de muito alto nível e muito sensíveis" para comprometer Hillary e isto era "parte do apoio da Rússia e do seu Governo a Donald Trump".

 

 
Lamentamos, mas o prazo para estabelecer a ligação em causa foi ultrapassado.