Ouvir Carregar Podcast
  • 16h00 - 16h10 TMG
    Noticiário 25/04 16h00 GMT
  • 16h00 - 16h06 TMG
    Noticiário 21/04 16h00 GMT
  • 16h06 - 16h30 TMG
    Segunda parte da emissão 21/04 16h06 GMT
  • 16h10 - 16h30 TMG
    Segunda parte da emissão 25/04 16h10 GMT
  • 17h00 - 17h10 TMG
    Noticiário 25/04 17h00 GMT
  • 17h00 - 17h06 TMG
    Noticiário 21/04 17h00 GMT
  • 17h06 - 17h30 TMG
    Segunda parte da emissão 21/04 17h06 GMT
  • 17h10 - 17h30 TMG
    Segunda parte da emissão 25/04 17h10 GMT
  • 18h00 - 18h10 TMG
    Noticiário 25/04 18h00 GMT
  • 18h00 - 18h06 TMG
    Noticiário 21/04 18h00 GMT
  • 18h06 - 18h30 TMG
    Segunda parte da emissão 21/04 18h06 GMT
  • 18h10 - 18h30 TMG
    Segunda parte da emissão 25/04 18h10 GMT
  • 19h00 - 19h10 TMG
    Noticiário 25/04 19h00 GMT
  • 19h00 - 19h06 TMG
    Noticiário 21/04 19h00 GMT
  • 19h06 - 19h30 TMG
    Segunda parte da emissão 21/04 19h06 GMT
  • 19h10 - 19h30 TMG
    Segunda parte da emissão 25/04 19h10 GMT
Para aproveitar em pleno os conteúdos mutimedia, deve ter o plugin Flash instalado no seu navegador. Para estabelecer a ligação deve activar os cookies nos parâmetros do seu navegador. Para poder navegar de forma ideal o site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e + etc.
Mundo

Dia de voto na Alemanha

media Eleições legislativas na Alemanha. 24 de Setembro de 2017. Tobias SCHWARZ / AFP

Hoje é dia de eleições legislativas na Alemanha. As sondagens apontam para a vitória da CDU de Angela Merkel e para a entrada da extrema-direita no Bundestag.

61,5 milhões de alemães são chamados às urnas para eleger o próximo governo. As sondagens prevêem uma vitória da chanceler Angela Merkel, a quarta consecutiva, e a entrada da extrema-direita no parlamento federal.

Uma das mais recentes sondagens, publicada pelo diário Bild, indicou que a CDU e a sua aliada bávara União Social-Cristã (CSU) reúnem 36% das intenções de voto, o Partido Social-Democrata (SPD), de Martin Schulz, 22%, o partido de extrema-direita Alternativa para a Alemanha (AfD), 11%, o Die Linke (A Esquerda, esquerda anticapitalista), 10%, o Partido Liberal (FDP), 9%, e os Verdes 8%.

A confirmarem-se as sondagens, Merkel vai ter de se coligar para alcançar maioria no Bundestag (703 assentos parlamentares). Angela Merkel excluiu conversações com a extrema-direita e com a esquerda anticapitalista. Restam-lhe duas opções: voltar a fazer uma coligação com o SPD ou aliar-se com os Verdes e o FDP.

Esta pode ser a primeira-vez, na história do pós-guerra na Alemanha, que a extrema-direita entra no parlamento federal .

A Alemanha é a principal economia europeia e a quarta mundial, sendo o país mais populoso da União Europeia com 80,9 milhões de habitantes, cerca de 8 milhões dos quais estrangeiros.

Reportagem em Berlim

Os alemães aderiram em massa às urnas, igualando mais ou menos a participacão de 70% registada há quatro anos. Os observadores dizem que estas eleicões são importantes, não apenas para os alemães, mas também para toda a Europa. Oiça aqui a reportagem de António Cascais, correspondente da RFI.

António Cascais, Correspondente em Berlim 24/09/2017 ouvir

Sobre o mesmo assunto
 
Lamentamos, mas o prazo para estabelecer a ligação em causa foi ultrapassado.