Ouvir Carregar Podcast
  • 16h00 - 16h06 TMG
    Noticiário 23/09 16h00 GMT
  • 16h00 - 16h10 TMG
    Noticiário 21/09 16h00 GMT
  • 16h06 - 16h30 TMG
    Segunda parte da emissão 23/09 16h06 GMT
  • 16h10 - 16h30 TMG
    Segunda parte da emissão 21/09 16h10 GMT
  • 17h00 - 17h06 TMG
    Noticiário 23/09 17h00 GMT
  • 17h00 - 17h10 TMG
    Noticiário 21/09 17h00 GMT
  • 17h06 - 17h30 TMG
    Segunda parte da emissão 23/09 17h06 GMT
  • 17h10 - 17h30 TMG
    Segunda parte da emissão 21/09 17h10 GMT
  • 18h00 - 18h06 TMG
    Noticiário 23/09 18h00 GMT
  • 18h00 - 18h10 TMG
    Noticiário 21/09 18h00 GMT
  • 18h06 - 18h30 TMG
    Segunda parte da emissão 23/09 18h06 GMT
  • 18h10 - 18h30 TMG
    Segunda parte da emissão 21/09 18h10 GMT
  • 19h00 - 19h06 TMG
    Noticiário 23/09 19h00 GMT
  • 19h00 - 19h10 TMG
    Noticiário 21/09 19h00 GMT
  • 19h06 - 19h30 TMG
    Segunda parte da emissão 23/09 19h06 GMT
  • 19h10 - 19h30 TMG
    Segunda parte da emissão 21/09 19h10 GMT
Para aproveitar em pleno os conteúdos mutimedia, deve ter o plugin Flash instalado no seu navegador. Para estabelecer a ligação deve activar os cookies nos parâmetros do seu navegador. Para poder navegar de forma ideal o site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e + etc.
Mundo

Theresa May dá ultimato à Rússia

media Theresa May, primeira ministra britânica REUTERS/Toby Melville

O Kremlin tem até à meia noite de hoje para explicar como é que Novichok, uma substância neurotóxica desenvolvida pela Rússia, foi usada para envenenar um antigo agente duplo no Reino Unido.  

Faltam apenas algumas horas para acabar o prazo, mas o chefe da diplomacia russa Serguëi Lavrov já disse que não iria responder até ter acesso a amostras e a mais detalhes da investigação e reiterou hoje que Moscovo está "inocente" e "pronto para colaborar" com a investigação.

Bruno Manteigas, correspondente em Londres 13/03/2018 ouvir

Antecipando a ausência de uma resposta convincente, o ministro dos Negócios Estrangeiros, Boris Johnson, tem estado activo nos contactos com aliados e parceiros internacionais:

Fui encorajado até agora pela robustez do apoio que estamos a receber, em especial do presidente Macron de França, de Sigmar Gabriel, o meu homólogo alemão, e de Washington”.

A substituição inesperada também esta terça-feira (13/03) do secretário de Estado norte-americano Rex Tillerson veio acrescentar alguma incerteza sobre a verdadeira posição dos Estados Unidos nesta questão.

Mas o governo britânico está determinado em avançar com medidas retaliatórias cçomo a expulsão de diplomatas ou sanções económicas e financeiras.

As vítimas do ataque foram Sergei Skripal de 66 anos e a sua filha Yulia de 33.

Skripal era um antigo agente duplo que vivia de forma discreta em Salisbury, uma pequena cidade a 160 quilómetros de Londres, onde foi encontrado inconsciente dia 4 de Março num banco de um centro comercial, estando desde então ambos hospitalizados.

Em causa está não só o uso indevido de armas químicas, mas o ataque em solo britânico a um cidadão com nacionalidade britânica.

 

Sobre o mesmo assunto
 
Lamentamos, mas o prazo para estabelecer a ligação em causa foi ultrapassado.