Ouvir Carregar Podcast
  • 16h00 - 16h10 TMG
    Noticiário 22/05 16h00 GMT
  • 16h00 - 16h06 TMG
    Noticiário 19/05 16h00 GMT
  • 16h06 - 16h30 TMG
    Segunda parte da emissão 19/05 16h06 GMT
  • 16h10 - 16h30 TMG
    Segunda parte da emissão 22/05 16h10 GMT
  • 17h00 - 17h06 TMG
    Noticiário 19/05 17h00 GMT
  • 17h00 - 17h10 TMG
    Noticiário 22/05 17h00 GMT
  • 17h06 - 17h30 TMG
    Segunda parte da emissão 19/05 17h06 GMT
  • 17h10 - 17h30 TMG
    Segunda parte da emissão 22/05 17h10 GMT
  • 18h00 - 18h06 TMG
    Noticiário 19/05 18h00 GMT
  • 18h00 - 18h10 TMG
    Noticiário 22/05 18h00 GMT
  • 18h06 - 18h30 TMG
    Segunda parte da emissão 19/05 18h06 GMT
  • 18h10 - 18h30 TMG
    Segunda parte da emissão 22/05 18h10 GMT
  • 19h00 - 19h06 TMG
    Noticiário 19/05 19h00 GMT
  • 19h00 - 19h10 TMG
    Noticiário 21/05 19h00 GMT
  • 19h06 - 19h30 TMG
    Segunda parte da emissão 19/05 19h06 GMT
  • 19h10 - 19h30 TMG
    Segunda parte da emissão 21/05 19h10 GMT
Para aproveitar em pleno os conteúdos mutimedia, deve ter o plugin Flash instalado no seu navegador. Para estabelecer a ligação deve activar os cookies nos parâmetros do seu navegador. Para poder navegar de forma ideal o site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e + etc.
Mundo

China-Índia: encontro de colossos

media Chefe do governo indiano Narendra Modi e Presidente chinês Xi Jinping no seu encontro hoje no Wuhan, no centro da China. Reuters

O Primeiro-ministro indiano Narendra Modi está a efectuar uma curta visita de 24 horas em Wuhan no centro da China no âmbito de uma "cimeira informal" com o presidente chinês Xi Jinping no intuito de tentar aproximar os dois países que ainda há poucos meses conheceram vivas tensões fronteiriças.

Xi Jinping expressou o desejo de abrir "um novo capítulo" das relações entre Pequim e Nova Deli durante esta cimeira que se prolonga até amanhã e cujo objectivo é encontrar pontos de convergência entre estes dois gigantes que juntos representam 40% da população mundial.

Esta cimeira sobre a qual pouco mais filtrou, acontece pouco depois das duas potências terem conhecido uma escalada de tensões na zona fronteiriça de Doklam, na parte oeste do Butão, onde as tropas chinesas a indianas se enfrentaram durante dois meses no verão passado, tudo porque a China tentou construir naquela zona uma via militar, um projecto visto com maus olhos pela Índia.

Outro desacordo fronteiriço, desta vez sobre a zona de Arunachal Pradesh, um estado sob autoridade indiana mas cuja soberania é reclamada pela China e até já levou os dois países a um curto mas sangrento conflito em 1962, continua também a envenenar as relações bilaterais.

Além destas disputas históricas, os dois colossos têm vindo a posicionar-se em lados opostos em termos geopolíticos: a China tem-se aproximado do Paquistão, país com o qual a Índia tem um conflito territorial sobre a região da Caxemira, e Nova Deli insiste sobre os elos que tem com os Estados Unidos. Como se não bastasse, o ambicioso projecto chinês de construção de infra-estruturas pela Ásia conhecido como "rotas da seda" que visa facilitar o comércio mas cujo itinerário passa designadamente pela muito disputada Caxemira, não melhora os elos com a Índia. Daí que observadores não esperem grandes avanços deste encontro entre os dois dirigentes.

Sobre o mesmo assunto
 
Lamentamos, mas o prazo para estabelecer a ligação em causa foi ultrapassado.