Ouvir Carregar Podcast
  • 16h00 - 16h10 TMG
    Noticiário 17/06 16h00 GMT
  • 16h00 - 16h06 TMG
    Noticiário 16/06 16h00 GMT
  • 16h06 - 16h30 TMG
    Segunda parte da emissão 16/06 16h06 GMT
  • 16h10 - 16h30 TMG
    Segunda parte da emissão 17/06 16h10 GMT
  • 17h00 - 17h10 TMG
    Noticiário 17/06 17h00 GMT
  • 17h00 - 17h06 TMG
    Noticiário 16/06 17h00 GMT
  • 17h06 - 17h30 TMG
    Segunda parte da emissão 16/06 17h06 GMT
  • 17h10 - 17h30 TMG
    Segunda parte da emissão 17/06 17h10 GMT
  • 18h00 - 18h10 TMG
    Noticiário 17/06 18h00 GMT
  • 18h00 - 18h06 TMG
    Noticiário 16/06 18h00 GMT
  • 18h06 - 18h30 TMG
    Segunda parte da emissão 16/06 18h06 GMT
  • 18h10 - 18h30 TMG
    Segunda parte da emissão 17/06 18h10 GMT
  • 19h00 - 19h10 TMG
    Noticiário 17/06 19h00 GMT
  • 19h00 - 19h06 TMG
    Noticiário 16/06 19h00 GMT
  • 19h06 - 19h30 TMG
    Segunda parte da emissão 16/06 19h06 GMT
  • 19h10 - 19h30 TMG
    Segunda parte da emissão 17/06 19h10 GMT
Para aproveitar em pleno os conteúdos mutimedia, deve ter o plugin Flash instalado no seu navegador. Para estabelecer a ligação deve activar os cookies nos parâmetros do seu navegador. Para poder navegar de forma ideal o site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e + etc.
Mundo

Extrema direita espanhola entra no parlamento de Andaluzia

media Santiago Abascal, líder do Vox, extrema direita, entra no parlamento regional de Andaluzia, na Espanha REUTERS/Marcelo Del Pozo

A extrema direita espanhola entra em força no parlamento regional de Andaluzia, com 12 deputados, após as eleições regionais de ontem nessa região mais populosa da Espanha. O partido Vox, afirma que os espanhóis, quiseram votar contra leis ideológicas, nomeadamente, em matéria de imigração. O parlamento regional, continua no entanto ainda dominado pelos socialistas.

"A Reconquista começa em terras de Andaluzia e vai estender-se à Espanha inteira", afirmou ontem à noite, um dos porta-vozes do partido "Vox" da extrema direita, que conseguiu eleger 12 deputados nas eleições para o parlamento regional.

Entrando em força pela primeira num parlamento regional, a extrema direita, quase ausente da paisagem política desde a morte do ditador Franco, baralha as cartas da vida política em Espanha. 

Estas eleições regionais de Andaluzia, região mais populosa de Espanha provocaram ontem um autêntico "tremor de terra" que "muda o panorama político nacional", escreveu o jornal El Pais. 

Nascido em 2013, Vox, dirigido por Santiago Abascal, é o primeiro partido de extrema direita a obter 12 lugares num parlamento regional desde a instauração da democracia em Espanha, com a morte de Franco, em 1975.

O Partido socialista, continua a dominar o parlamento regional, com 33 deputados eleitos, seguido do Partido Popular, da direita, com 26 deputados,  dos Ciudadanos, com 21 deputados e do Adelante Andalusia, da esquerda, com 17 deputados, mas a extrema direita do Vox, com os seus 12 deputados, apresenta-se como fazedor de reis.

Quer os Ciudadanos, quer o Partido Popular, não excluem fazer aliança com a extrema direita do Vox.

Para Sebastian Abascal, dirigente do Vox, os espanhóis votaram no seu partido, porque querem uma anulação das leis idelógicas, nomeadamente, em matéria de imigração.

Santiago Abascal, Líder do Vox, extrema direita, no parlamento de Andaluzia 03/12/2018 ouvir

"As gentes de Andaluzia identificam-se com uma força política que respeita as suas tradições e que as permitem ser orgulhosas da sua maneira de viver, com a sua Semana Santa, os seus costumes e a liberdade de praticar a tauromaquia.

Os espanhóis que votaram no nosso partido pedem também a anulação das leis ideológicas relacionadas a memória histórica dos antepassados muito enraízada em Andaluzia.

Eles votaram também contra a imigração ilegal e contra todos os políticos que a defendem e finalmente votaram a favor da prioridade aos espanhóis em matéria de ajudas sociais". 

Sobre o mesmo assunto
 
Lamentamos, mas o prazo para estabelecer a ligação em causa foi ultrapassado.