Ouvir Carregar Podcast
  • 16h00 - 16h06 TMG
    Noticiário 20/01 16h00 GMT
  • 16h00 - 16h10 TMG
    Noticiário 21/01 16h00 GMT
  • 16h06 - 16h30 TMG
    Segunda parte da emissão 20/01 16h06 GMT
  • 16h10 - 16h30 TMG
    Segunda parte da emissão 18/01 16h10 GMT
  • 17h00 - 17h06 TMG
    Noticiário 20/01 17h00 GMT
  • 17h00 - 17h10 TMG
    Noticiário 21/01 17h00 GMT
  • 17h06 - 17h30 TMG
    Segunda parte da emissão 20/01 17h06 GMT
  • 17h10 - 17h30 TMG
    Segunda parte da emissão 21/01 17h10 GMT
  • 18h00 - 18h06 TMG
    Noticiário 20/01 18h00 GMT
  • 18h00 - 18h10 TMG
    Noticiário 21/01 18h00 GMT
  • 18h06 - 18h30 TMG
    Segunda parte da emissão 20/01 18h06 GMT
  • 18h10 - 18h30 TMG
    Segunda parte da emissão 21/01 18h10 GMT
  • 19h00 - 19h06 TMG
    Noticiário 20/01 19h00 GMT
  • 19h00 - 19h10 TMG
    Noticiário 21/01 19h00 GMT
  • 19h06 - 19h30 TMG
    Segunda parte da emissão 20/01 19h06 GMT
  • 19h10 - 19h30 TMG
    Segunda parte da emissão 21/01 19h10 GMT
Para aproveitar em pleno os conteúdos mutimedia, deve ter o plugin Flash instalado no seu navegador. Para estabelecer a ligação deve activar os cookies nos parâmetros do seu navegador. Para poder navegar de forma ideal o site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e + etc.

"Coletes amarelos": e agora?

 
"Coletes amarelos" assistindo à intervenção televisiva de segunda-feira em que o Presidente Macron prometeu nomeadamente um aumento de 100 Euros do ordenado mímino. REUTERS / Jean-Paul Pelissier

A França encontra-se novamente em vésperas de uma nova mobilização dos "coletes amarelos" que ao longo das semanas foram acumulando uma série de reivindicações que vão muito para além de exigências de aumentos de salários ou isenções fiscais.

Apesar de o Presidente francês apelar hoje ao "regresso a um funcionamento normal", depois de ter anunciado no começo da semana uma série de medidas, entre as quais o aumento de 100 Euros do ordenado mínimo, muitos "coletes amarelos" continuam descontentes, sendo que amanhã a rua será novamente o barómetro. Neste contexto já por si complexo e amplamente explorado pela extrema-direita, o ataque de terça-feira em Estrasburgo fez vir novamente à tona medos também eles capitalizados por Marine le Pen. Um cocktail perigoso analisado por Álvaro Vasconcelos, antigo director do Instituto de Estudos de Segurança da União Europeia.


Sobre o mesmo assunto

  • Economias

    Salário mínimo aumentou em França, Espanha e Portugal

    Saber mais

  • Vida em França

    "Macron empurra franceses para a extrema-direita"

    Saber mais

  • Convidado

    "O movimento vai continuar", afirma historiador português

    Saber mais

  • Convidado

    Braço-de-ferro entre Macron e os Coletes Amarelos

    Saber mais

  • Interesses económicos ditam desfecho eleitoral na RDC

    Interesses económicos ditam desfecho eleitoral na RDC

    A União Africana suspendeu a missão à República Democrática do Congo agendada para hoje depois de o Tribunal Constitucional ter confirmado …

  • Guineense é Mister Brasil África

    Guineense é Mister Brasil África

    Vensam Ialá tem 29 anos e mora no Brasil há cerca de nove. Ele foi eleito no mês passado em São Paulo Mister Brasil África. A paixão …

  • Kabila,

    Kabila, "estratega político de grande craveira"

    A União Africana pediu à Republica Democrática do Congo a suspensão da proclamação dos resultados definitivos. O apelo consta …

  • Renamo:

    Renamo: "Triunfou uma linha de moderação e continuidade"

    Ossufo Momade é o novo presidente da Renamo. O líder interino da Resistência Nacional Moçambicana venceu as eleições para a presidência …

  • Brexit: a queda do acordo de May

    Brexit: a queda do acordo de May

    O parlamento britânico chumbou ontem à noite o acordo sobre o Brexit de Theresa May. 432 votos contra e 202 a favor. Depois desta pesada derrota, segue-se …

  • TPI absolve Laurent Gbagbo

    TPI absolve Laurent Gbagbo

    O Tribunal Penal Internacional decidiu esta terça-feira absolver Laurent Gbagbo e Charles Blé Goudé. Os dois homens estavam acusados de crimes contra …

  • Debate Nacional “não vai servir para nada”

    Debate Nacional “não vai servir para nada”

    Foi publicada a carta aos franceses de Emanuel Macron. Um documento que antecede o grande debate nacional que começa amanhã. Na carta o Presidente francês …

  1. 1
  2. 2
  3. 3
  4. ...
  5. seguinte >
  6. último >
As emissões
 
Lamentamos, mas o prazo para estabelecer a ligação em causa foi ultrapassado.