Ouvir Carregar Podcast
  • 16h00 - 16h10 TMG
    Noticiário 15/10 16h00 GMT
  • 16h00 - 16h06 TMG
    Noticiário 13/10 16h00 GMT
  • 16h06 - 16h30 TMG
    Segunda parte da emissão 13/10 16h06 GMT
  • 16h10 - 16h30 TMG
    Segunda parte da emissão 15/10 16h10 GMT
  • 17h00 - 17h10 TMG
    Noticiário 15/10 17h00 GMT
  • 17h00 - 17h06 TMG
    Noticiário 13/10 17h00 GMT
  • 17h06 - 17h30 TMG
    Segunda parte da emissão 13/10 17h06 GMT
  • 17h10 - 17h30 TMG
    Segunda parte da emissão 15/10 17h10 GMT
  • 18h00 - 18h10 TMG
    Noticiário 15/10 18h00 GMT
  • 18h00 - 18h06 TMG
    Noticiário 13/10 18h00 GMT
  • 18h06 - 18h30 TMG
    Segunda parte da emissão 13/10 18h06 GMT
  • 18h10 - 18h30 TMG
    Segunda parte da emissão 15/10 18h10 GMT
  • 19h00 - 19h10 TMG
    Noticiário 15/10 19h00 GMT
  • 19h00 - 19h06 TMG
    Noticiário 13/10 19h00 GMT
  • 19h06 - 19h30 TMG
    Segunda parte da emissão 13/10 19h06 GMT
  • 19h10 - 19h30 TMG
    Segunda parte da emissão 15/10 19h10 GMT
Para aproveitar em pleno os conteúdos mutimedia, deve ter o plugin Flash instalado no seu navegador. Para estabelecer a ligação deve activar os cookies nos parâmetros do seu navegador. Para poder navegar de forma ideal o site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e + etc.
Mundo

CDS-PP acusa António Costa de criar « crise política do nada »

media Assunção Cristas apresentou hoje a candidata do CDS-PP para cabeça-de-lista do círculo da Europa nas legislativas e que integra a lista para as europeias, Melissa da Silva, uma lusodescendente. RFI/Carina Branco

A líder do CDS-PP, Assunção Cristas, disse hoje em Paris que o primeiro-ministro português criou «uma crise politica do nada» para tirar «dividendos» políticos. Assunção Cristas apresentou hoje a candidata do CDS-PP para cabeça-de-lista do círculo da Europa nas legislativas e que integra a lista para as europeias, Melissa da Silva, uma luso-descendente.

A líder do CDS, Assunção cristas, afirmou hoje que o primeiro-ministro quer "retirar dividendos" de uma «crise política» que acusa António Costa de ter criado « do nada».

"[O primeiro-ministro] Entendeu que o servia do ponto de vista eleitoral criar uma crise política e estará a procurar retirar dividendos desta crise. Isto não desfoca o CDS de se opor a um primeiro-ministro que gosta de ser muito habilidoso, mas não é certamente um estadista, porque se fosse não criava uma crise política do nada", afirmou Assunção Cristas em declarações aos jornalistas.

 

Assunção Cristas, líder do CDS-PP 04/05/2019 ouvir

O primeiro-ministro anunciou na sexta-feira que comunicou a Marcelo Rebelo de Sousa que o Governo se demite caso a contabilização total do tempo de serviço dos professores seja aprovada em votação final global.

O parlamento aprovou na quinta-feira na especialidade uma alteração ao decreto do Governo, com os votos contra do PS e o apoio de todas as outras forças políticas, estipulando que o tempo de serviço a recuperar são os nove anos, quatro meses e dois dias reivindicados pelos sindicatos docentes.

As declarações de Assunção Cristas foram feitas à margem da apresentação da candidata do CDS-PP para cabeça-de-lista do círculo da Europa nas eleições legislativas e que integra a lista para as eleições europeias, Melissa da Silva, uma luso-descendente de 26 anos.

 
Lamentamos, mas o prazo para estabelecer a ligação em causa foi ultrapassado.