Ouvir Carregar Podcast
  • 16h00 - 16h06 TMG
    Noticiário 21/10 16h00 GMT
  • 16h00 - 16h10 TMG
    Noticiário 20/10 16h00 GMT
  • 16h06 - 16h30 TMG
    Segunda parte da emissão 21/10 16h06 GMT
  • 16h10 - 16h30 TMG
    Segunda parte da emissão 20/10 16h10 GMT
  • 17h00 - 17h06 TMG
    Noticiário 21/10 17h00 GMT
  • 17h00 - 17h10 TMG
    Noticiário 20/10 17h00 GMT
  • 17h06 - 17h30 TMG
    Segunda parte da emissão 21/10 17h06 GMT
  • 17h10 - 17h30 TMG
    Segunda parte da emissão 20/10 17h10 GMT
  • 18h00 - 18h06 TMG
    Noticiário 21/10 18h00 GMT
  • 18h00 - 18h10 TMG
    Noticiário 20/10 18h00 GMT
  • 18h06 - 18h30 TMG
    Segunda parte da emissão 21/10 18h06 GMT
  • 18h10 - 18h30 TMG
    Segunda parte da emissão 20/10 18h10 GMT
  • 19h00 - 19h06 TMG
    Noticiário 21/10 19h00 GMT
  • 19h00 - 19h10 TMG
    Noticiário 20/10 19h00 GMT
  • 19h06 - 19h30 TMG
    Segunda parte da emissão 21/10 19h06 GMT
  • 19h10 - 19h30 TMG
    Segunda parte da emissão 20/10 19h10 GMT
Para aproveitar em pleno os conteúdos mutimedia, deve ter o plugin Flash instalado no seu navegador. Para estabelecer a ligação deve activar os cookies nos parâmetros do seu navegador. Para poder navegar de forma ideal o site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e + etc.

Albertino Bragança sobre seu romance "Ao Cair da Noite"

Albertino Bragança sobre seu romance
 
Capa do romance "Ao Cair da Noite" do romancista e contista santomense, Abertino Bragança DR/Edições Colibri

No nosso Magazine Artes desta semana, recebemos o romancista, contista e político santomense, Albertino Bragança, que nos falará do seu último romance, "Ao Cair da Noite", apresentado já em Lisboa, e proximamente, em S. Tomé e Príncipe.

"(...) Ainda há dias perguntavam, mas o que é que terá acontecido ao cair da noite para impressionar tanto o Albertino Bragança, de modo, a enveredar para um título tão enigmático?..."

"Bom não é assim tão enigmático, "Ao Cair da Noite", porque foi ao cair da noite, que criei um espaço, um litígio entre um casal, em que o marido convida a esposa para jantar fora, mas afinal, era para seguirem para um lugar ermo, para praticar um homicídio, para a matar".

É assim que o santomense Albertino Bragança, desvenda o véu sobre o título do seu mais recente romance, "Ao Cair da Noite", que narra "um crime passional", algures em S. Tomé e Príncipe, mas que podia ocorrer em qualquer parte do mundo.

"Ao Cair da Noite, é o quinto livro do romancista e contista Albertino Bragança, autor ainda de outros dois romances, "Um Clarão Sobre a Baía", e "Aurélia de Vento", mas também da novela, Rosa do Riboque e outros Contos, e do conto "Preconceito e outros Contos".


Sobre o mesmo assunto

  • Artes

    O "Reino angolar" de Kwame Sousa

    Saber mais

  • Artes

    Arte culinária caboverdiana e literatura infantil

    Saber mais

  • Artes

    Espaço Luanda Arte em vários palcos

    Saber mais

  1. 1
  2. 2
  3. 3
  4. ...
  5. seguinte >
  6. último >
As emissões
 
Lamentamos, mas o prazo para estabelecer a ligação em causa foi ultrapassado.