Ouvir Carregar Podcast
  • 16h00 - 16h06 TMG
    Noticiário 19/11 16h00 GMT
  • 16h00 - 16h10 TMG
    Noticiário 17/11 16h00 GMT
  • 16h06 - 16h30 TMG
    Segunda parte da emissão 19/11 16h06 GMT
  • 16h10 - 16h30 TMG
    Segunda parte da emissão 17/11 16h10 GMT
  • 17h00 - 17h06 TMG
    Noticiário 19/11 17h00 GMT
  • 17h00 - 17h10 TMG
    Noticiário 17/11 17h00 GMT
  • 17h06 - 17h30 TMG
    Segunda parte da emissão 19/11 17h06 GMT
  • 17h10 - 17h30 TMG
    Segunda parte da emissão 17/11 17h10 GMT
  • 18h00 - 18h06 TMG
    Noticiário 18/11 18h00 GMT
  • 18h00 - 18h10 TMG
    Noticiário 17/11 18h00 GMT
  • 18h06 - 18h30 TMG
    Segunda parte da emissão 18/11 18h06 GMT
  • 18h10 - 18h30 TMG
    Segunda parte da emissão 17/11 18h10 GMT
  • 19h00 - 19h06 TMG
    Noticiário 18/11 19h00 GMT
  • 19h00 - 19h10 TMG
    Noticiário 17/11 19h00 GMT
  • 19h06 - 19h30 TMG
    Segunda parte da emissão 18/11 19h06 GMT
  • 19h10 - 19h30 TMG
    Segunda parte da emissão 17/11 19h10 GMT
Para aproveitar em pleno os conteúdos mutimedia, deve ter o plugin Flash instalado no seu navegador. Para estabelecer a ligação deve activar os cookies nos parâmetros do seu navegador. Para poder navegar de forma ideal o site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e + etc.
São Tomé e Príncipe

São Tomé marca presença na COP 23

media São Tomé e Príncipe marca presença na COP 23 https://pixabay.com

São Tomé  e  Principe defende  na  COP 23,  a  decorrer  em  Bona, na  Alemanha,  a  necessidade de se avançar com o Acordo de Paris, visando a redução das emissões de gases com efeito estufa e evitar agravamento de fenómenos extremos.

Como nação  menos  poluidora  e  insular, São Tomé e Príncipe  pretende mobilizar meios financeiros para  desenvolver energias renováveis,  implementar  a agricultura  sustentável  e reflorestar a area que  tem  sido  devastada  pela  pressão  humana.

Foi esta a mensagem deixada pelo chefe de Estado, Evaristo de Carvalho, antes de deixar o país. " Solicitarapoios aos parceiros internacionais, no sentido de executarmos o nosso projecto para mitigar os efeitos das mudanças climáticas".

São Tomé e Príncipe que  subscreveu o acordo de Paris sobre o clima,   tem   várias  medidas a  implementar, contudo precisa da  ajuda  de  parceiros  internacionais  para gerar oportunidades   e  desenvolver numa  economia  verde  e  limpa.

Este ano, a COP23 é presidida por Fiji, país insular do Pacífico. Até 17 de Novembro, os países participantes vão negociar compromissos em Bona, na Alemanha, para que a luta contra as alterações climáticas não fracasse.

Correspondência de Maximino Carlos 13/11/2017 ouvir

 

Sobre o mesmo assunto
 
Lamentamos, mas o prazo para estabelecer a ligação em causa foi ultrapassado.