Ouvir Carregar Podcast
  • 16h00 - 16h10 TMG
    Noticiário 15/10 16h00 GMT
  • 16h00 - 16h06 TMG
    Noticiário 13/10 16h00 GMT
  • 16h06 - 16h30 TMG
    Segunda parte da emissão 13/10 16h06 GMT
  • 16h10 - 16h30 TMG
    Segunda parte da emissão 15/10 16h10 GMT
  • 17h00 - 17h10 TMG
    Noticiário 15/10 17h00 GMT
  • 17h00 - 17h06 TMG
    Noticiário 13/10 17h00 GMT
  • 17h06 - 17h30 TMG
    Segunda parte da emissão 13/10 17h06 GMT
  • 17h10 - 17h30 TMG
    Segunda parte da emissão 15/10 17h10 GMT
  • 18h00 - 18h10 TMG
    Noticiário 15/10 18h00 GMT
  • 18h00 - 18h06 TMG
    Noticiário 13/10 18h00 GMT
  • 18h06 - 18h30 TMG
    Segunda parte da emissão 13/10 18h06 GMT
  • 18h10 - 18h30 TMG
    Segunda parte da emissão 15/10 18h10 GMT
  • 19h00 - 19h10 TMG
    Noticiário 15/10 19h00 GMT
  • 19h00 - 19h06 TMG
    Noticiário 13/10 19h00 GMT
  • 19h06 - 19h30 TMG
    Segunda parte da emissão 13/10 19h06 GMT
  • 19h10 - 19h30 TMG
    Segunda parte da emissão 15/10 19h10 GMT
Para aproveitar em pleno os conteúdos mutimedia, deve ter o plugin Flash instalado no seu navegador. Para estabelecer a ligação deve activar os cookies nos parâmetros do seu navegador. Para poder navegar de forma ideal o site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e + etc.

Estreou documentário "Guiné-Bissau: Da Memória ao Futuro"

Estreou documentário
 
"Guiné-Bissau: Da Memória ao Futuro" Garden Films e CES-UC

"Guiné-Bissau: Da Memória ao Futuro" percorre uma viagem sobre a imaginação e a construção da Guiné independente. A realizadora Diana Andringa mostra-nos de que forma é que a memória pode servir de instrumento à geração do presente para a construção do futuro.

O filme estreou ontem, no dia do 46.º aniversário da independência da Guiné-Bissau, foi escrito a quatro mãos pelos investigadores Diana Andringa e Miguel Cardina

Nos últimos 46 anos a Guiné-Bissau viveu períodos de grande fragilidade politica. Em 25 anos registou cinco eleições presidenciais, 10 golpes de estado, inúmeras quedas de governos, instabilidade que se mantêm até aos dias de hoje. Como é que os jovens guineenses olham para o futuro do país? A investigadora e realizadora Diana Andringa dá-nos algumas respostas.

O filme surge no âmbito do projecto CROME - Memórias Cruzadas, Políticas do Silêncio. As Guerras Coloniais e de Libertação em Tempos Pós-coloniais e é produzido pela Garden Films e pelo Centro de Estudos Sociais da Universidade de Coimbra.


Sobre o mesmo assunto

  • GUINÉ-BISSAU

    Guiné-Bissau conta 46 anos de independência

    Saber mais

  • Guiné-Bissau

    Guiné-Bissau: a frágil democracia do país

    Saber mais

  • Cabo Verde

    Estudos sobre Amílcar Cabral entregues à sua Fundação

    Saber mais

  • Guiné-Bissau

    Guiné-Bissau: Presidente fala em decepção no dia da independência

    Saber mais

  • Tiago Rodrigues e a arte da transgressão

    Tiago Rodrigues e a arte da transgressão

    É um artista da transgressão, um encenador ávido de liberdade e poesia, um dramaturgo entre passado, presente e futuro. Está no teatro à procura do encontro e do desconhecido. …

  • Mário Lúcio abre festival Imaginaire em Paris

    Mário Lúcio abre festival Imaginaire em Paris

    Mário Lúcio é uma das figuras mais reconhecidas da cena cultural e musical cabo-verdiana. Escritor cabo-verdiano com mais prémios internacionais. Mário Lúcio também é …

  • Livro sobre família dos Santos editado em França

    Livro sobre família dos Santos editado em França

    A história da família de José Eduardo dos Santos é retratada num livro publicado nesta quarta-feira, 2 de Outubro, em França pela editora Karthala.A obra da autoria de …

  • "Os filhos do colonialismo" na Culturgest

    Entre os dias 19 de Setembro e o 5 de Outubro, em Lisboa realiza-se o "Ciclo Memórias Coloniais", uma série de eventos organizados pela Culturgest, fundação ligada ao …

  • “Bem-vindos às nossas fronteiras fechadas”

    “Bem-vindos às nossas fronteiras fechadas”

    O livro “Clube Mediterrâneo – Doze fotogramas e uma devoração”, foi distinguido na Feira Internacional do Livro de Moscovo na categoria Livro de Autor. A obra foi escrita …

  • Nú Barreto expõe

    Nú Barreto expõe "Homem Imperfeito" em Bruxelas

    O trabalho do artista guineense Nú Barreto vai estar, a partir desta quinta-feira e até 26 de Outubro, na Galerie Nathalie Obadia, em Bruxelas. Composta essencialmente …

  1. 1
  2. 2
  3. 3
  4. ...
  5. seguinte >
  6. último >
As emissões
 
Lamentamos, mas o prazo para estabelecer a ligação em causa foi ultrapassado.